Playlist: Favoritas do Momento #4

blog-senhorita-deise-favoritas-do-momento-4

Hope You Do — Chris Brown: como colocar em palavras o quanto eu amo esse artista? Percebam a maestria, a precisão em cada um dos movimentos, a fotografia, os figurinos, ângulos criativos, a ideia. Na verdade, meu clipe favorito da era Heartbreak On A Full Moon, dirigido por ele mesmo! Música com um flow lindo, R&B na melhor forma, vocais apaixonantes mostrando todo potencial. Simplesmente AMO!

Perfect — Ed Sheeran: sabe aquela música que vai tocar no dia do meu casamento? Sim, essa mesma. Letra cativante! O amor está presente em cada palavra, demonstra o nível altíssimo que ele tem como compositor, ainda mais nos dias de hoje né gente? Difícil não sentir, difícil não se deixar embalar. Nem sei ao certo como expressar o quanto essa canção é especial… se você está amando, essa é aquela música para se dedicar para alguém 🙂 e que clipe amorzinho gente! Assistam.

Over Again — Mike Shinoda: é ainda muito difícil entender o que aconteceu no dia 20 de julho do ano passado. “Over Again” é o retrato do sentimento explícito de Mike após a perda de seu amigo e colega de banda Chester Bennington.

Ele mesmo fez as imagens do clipe, inclusive, feitas antes do show em homenagem ao Chaz. Mike escreveu e produziu também. Um dos primeiros singles de seu álbum solo (lançado em 15 de junho) “Post Traumatic” que começou como um simples EP nas plataformas digitais. Difícil não sentir a dor, sinceridade, e a pura arte que é essa canção. Confesso que me emocionei muito, e pude sentir ainda mais a profundidade do ocorrido nas vidas daqueles que o perderam.

Psycho — Post Malone & Ty Dolla $ign: a número um nos Estados Unidos! Post alcançou status de sucesso rapidamente — o single debutou já no segundo lugar da Hot 100 e atingiu o topo nas semanas seguintes, mostrando constância. Já está em seu segundo álbum e está provando que veio para ficar. “Psycho” tem uma batida boa, um rap que flui bem, aborda os temas comuns com o diferencial na harmonia e suavidade em que são cantadas as rimas. Clipe mostra que teve investimento hein? Curti.

Say Something — Justin Timberlake & Chris Stapleton: um dueto diferente, um dueto que deu mais do que certo! Um folk/pop com um toque country. Harmoniosa do jeito que eu gosto… boa para curtir o dia, viajar, passar momentos admirando a natureza, ficar pensando na vida… por aí vai. Quando o coro entra, é de arrepiar! O jogo de imagens também é lindo, clipe bem elaborado, vale a pena o play!

In My Blood — Shawn Mendes: emocionante, tocante. Gosto muito da tradução dessa música, mesmo em meio as dificuldades, “não está em meu sangue” desistir. Mostra o crescimento e desempenho do artista. O clipe também é envolvente, interpretativo e conversa diretamente com a canção.

Girls Like You — Maroon 5 & Cardi B: eles foram para o pop com a rapper do momento! Certamente iria viciar, vibes total! E assim está explicado o grande sucesso da música nas charts americanas — música mais adicionada nas rádios, e subiu mais de 90 posições na Hot 100 em pouquíssimo tempo! Amei a participação de grandes personalidades da mídia no clipe, uma simplicidade que funcionou! No final, tem uma surpresa bem bacana, tenho certeza de que vocês irão curtir também!

New Light — John Mayer: me diz, como não amar? Foi amor no primeiro play! Completamente no estilo que ele domina, clipe engraçado e nada do que ele já fez antes… sério, vocês só irão entender quando derem o play.

Finesse (Remix) — Bruno Mars & Cardi B: o menino do momento! Levou vários Grammys pra casa, atingiu o topo da Billboard, também arrasa nas coreografias e levanta a bandeira R&B com orgulho! Representa bem o ritmo, e mandou bem na escolha vintage, vibes 80/90 para o clipe. Colorido e divertido 🙂 YASSSSS BABYYYY!

This Is America — Childish Gambino: clipe tem imagens fortíssimas, o motivo? “This Is America” é uma música de forte conceito político-social. Causou muita polêmica entre o público, o que levou o single à primeira posição da Hot 100 (primeira também na carreira de Gambino). A canção fala da situação dos negros nos Estados Unidos desde o princípio, e como o próprio povo vê e se utiliza da cultura nossa. Contrasta versos cantados suavemente, com um rap mais agressivo.

Fala de um país que ignora seus maiores problemas. Critica como o porte de armas é visto, inclusive, as imagens fortes explicitam os tiroteios que acontecem por lá, principalmente o que ocorreu em uma igreja, onde seus membros eram negros. “This Is America” tem conceito e uma mensagem a passar. Vale a pena pesquisar cada “coisinha” do clipe, pois, tudo aí tem uma correlação.

Meus amigos, espero que vocês tenham gostado da seleção musical!

Contem nos comentários o que vocês andam escutando, do que mais gostaram aqui…

Obrigada pela sua presença no #BlogSenhoritaDeise!

Voltem sempre 🙂

margarida desenho-Transp

Anúncios

Tocadas Recentemente

blog-senhorita-deise-tocadas-recentemente

1. Never Be The Same – Camila Cabello

“… I could try to run, but it would be useless
You’re to blame
Just one hit of you, I knew I’ll never be the same
It’s you, babe.”

2. No Tears Left To Cry – Ariana Grande

“Right now, I’m in a state of mind
I wanna be in, like, all the time
Ain’t got no tears left to cry…”

3. Back To You – Selena Gomez

“You could break my heart in two
But when it heals, it beats for you”

4. Delicate – Taylor Swift

“Sometimes I wonder when you sleep
Are you ever dreaming of me?
Sometimes when I look into your eyes
I pretend you’re mine, all the damn time
‘Cause I like you.”

5. Indecente – Anitta

“Una mirada te delata
Un perfume que te atrapa
Todo está a mi favor
Serán mis ojos de gata
Sé que hay algo que te ata
Y quieres hacérmelo…”

margarida desenho-Transp

Música: Hey Moon – John Maus

We_Must_Become_the_Pitiless_Censors_of_Ourselves_(Front_Cover)Conheci essa bela música em um filme que estava assistindo, bem no início desse ano. Utilizei meu aplicativo Shazam, e rapidamente ele a identificou pra mim. Foi amor, amor instantâneo!

“Hey Moon” é composição da cantora sueca Molly Nilsson, lançada em 2008 no seu álbum “These Things Take Time” (a versão dela é mais longa, por conter mais algumas estrofes), mas em 2011, ela ganhou uma nova versão, na voz e produção do americano John Moss, com a colaboração vocal da própria Molly.

A canção demonstra a perspectiva de alguém que trata a lua como sua melhor amiga. Gosto muito de todos os elementos que permeiam a música. Amo o minimalismo dela, a filosofia, o romantismo, um dueto digno, super poético!

Espero que vocês gostem o tanto quanto eu, escuto quase todos os dias! Como a canção não tem um vídeo oficial, eu publiquei aqui no blog, uma versão postada por um fã no YouTube, mas vocês podem ouvir a canção no Spotify ou em qualquer outra plataforma de streaming. Fiquem com o vídeo e a letra.

Hey Moon

I know it’s been so long
Since we saw each other last

I’m sure we’ll find some way
To make the time pass

Hey moon
It’s just you and me tonight
Everyone else is asleep
Hey moon
If I was to fall
I would fall so deep

Though I doubt I’m gonna
You can wake me up if you wanna

And your pale, round face
Makes me feel at home in any place
I would happen to be
At a quarter past three

The moon chased the sun out of the sky
Goodbye sun
The night’s begun

The moon chased the sun out of the sky
Goodbye sunshine
The night is mine

 

Hey moon
It’s just you and me tonight
Everyone else is asleep
Hey moon
If I was to fall
I would fall so deep

Though I doubt I’m gonna
You can wake me up if you wanna

I would hate for you to hang there alone
The whole night through

Hey moon
My old friend
Hey moon
The night is coming to an end
Hey moon
Come back soon

6053b61a345645df58ac47a5db1dc64b

 

Top Songs 2017: MEU ANO NA MÚSICA

Todo ano o Spotify monta uma playlist especial com as 100 músicas mais tocadas no ano por cada um de seus assinantes, e eu recebi a minha lista, acessando o site 2017wrapped.com – eles também fornecem informações interessantes que logo abaixo, também vou dividir com todos vocês!

Every year, Spotify shares with their subscribers, a special playlist, with our most played songs in 2017, 100 to be more specific! And I am so proud of my list 🙂 every song is important to me! I went to 2017wrapped.com and they gave me informations that I’m gonna share right now with you all ❤

blog-senhorita-deise-spotify-2017-wrapped1
Layout do player via web, e as cinco músicas mais reproduzidas este ano!
blog-senhorita-deise-spotify-2017-wrapped
LINKIN PARK um dos meus artistas mais escutados em 2017
spotify-2017-wrapped
LINKIN PARK one of my favorite artists

21.379 minutos de música de 1.800 diferentes músicas e 530 diferentes artistas de 34 gêneros! Não há nenhuma dúvida de que eu AMO MÚSICA certo? Quero fazer um agradecimento ao Spotify por dividir esses dados com a gente, estou completamente satisfeita com o serviço. Vou colocar aqui pra vocês a lista que eles fizeram com o meu Top 100, e as listas que fiz chamadas de “The Best So Far”, a cada trimestre de 2017, dos meus lançamentos favoritos 🙂

21,379 minutes of music from 1,800 different songs and 530 different artists from 34 genres. There’s no doubt, I LOVE MUSIC! I wanna thank Spotify for sharing this with us, I’m completely satisfied with the streaming service, in my opinion, this is the best streaming app for music. I had a great time listening to that playlist. I’m also gonna share three playlists named “The Best So Far”: 30 songs in every quarter of the year 🙂

blog-senhorita-deise-spotify-2017-wrapped (2)

spotify-2017-wrapped (3)

Muito orgulhosa dos meus top artistas 2017, são todos favoritos meus – olha só meu favorito Chris Brown no topo da lista! Sobre o meu top 5, eu lembro do papel de cada uma na minha vida: cada fase, cada sentimento, os bons e os maus momentos… é incrível, realmente impressionante como a música marca, como a música ajuda, como ela carrega nossa personalidade 🙂 todas são lindas e super amadas por mim!

I’m also very proud of my top artists 2017, they are all my favorites – aww look at my fave Chris Brown being #1! About my top 5, I remember the moment of each song in my life, every phase, every feeling, hard and good times… it’s really amazing, really impressive how a song can help you go through something, how it carries our personality 🙂 every song are beautiful and super loved by me!

MY TOP 100:

blog-senhorita-deise-spotify-2017-wrapped-top-100

Clique aqui para ouvir | Click here

THE BEST SO FAR I:

blog-senhorita-deise-the-best-so-far-1

Clique aqui para ouvir | Click here

THE BEST SO FAR II:

blog-senhorita-deise-the-best-so-far-2

Clique aqui para ouvir | Click here

THE BEST SO FAR III:

blog-senhorita-deise-the-best-so-far-3

Clique aqui para ouvir | Click here

THE BEST SO FAR IV:

blog-senhorita-deise-the-best-so-far-4

Clique aqui para ouvir | Click here

* Essa playlist ainda está em progresso! Continue acompanhando, e em breve a versão final será postada aqui.

This playlist will be updated soon! Keep checking this post to see the final version.

Então, vocês já sabem, quem possuir uma conta na plataforma Spotify, corre para esse site e vá conferir suas estatísticas também! Divide comigo seu top artistas, seu top 5, gênero mais escutado e por aí vai! Beijos, eu sinceramente amei o meu 2017 na música!

So, you already know, anyone who owns an account on Spotify, check out this website 2017wrapped.com, and share your statistics too! Share with me, your top artists, your top 5, most listened genre and so on! I sincerely loved my 2017 in music!

Valeu Spotify 🙂

Thank you Spotify ❤

6053b61a345645df58ac47a5db1dc64b

 

Álbum: “After Laughter” Paramore

blog-senhorita-deise-paramore-after-laughter
Capa oficial. Imagem retirada do site billboard.com

Maio de 2017, estava eu no Instagram, conferindo os stories das pessoas que eu sigo, quando chegou a vez da Bruna Vieira. Ela estava escutando as músicas do After Laughter quinto álbum de estúdio da banda de rock americana Paramore, dizendo o quanto ela amou – e, eu rapidamente me interessei, fui ao Spotify e eis me aqui para contar o resultado dessa sessão musical, seis meses depois.

Isso mesmo, venho fazer uma resenha desse álbum, seis meses após o lançamento. Mas por que? Eu estava fazendo a minha lista de melhores do ano no cenário musical, e advinha só… “After Laughter” está no meu top 5!

“After Laughter” é diferente do que a banda já havia nos apresentado. Composições profundas que abordam temas importantes, acompanhadas de melodias cativantes, melodias que emocionam, que agitam. Sim, eles foram para o lado mais pop sintético que conheciam, mas que não tirou a personalidade do trio, que agora conta com a volta do integrante, Zac Ferro, que deixou a banda em 2010 – a formação do Paramore sofreu várias mudanças ao longo dos anos, mas eles decidiram seguir em frente apesar de tudo.

Quero fazer uma menção especial aos vocais da Hayley Williams – ela canta com toda força e emoção necessárias, para falar de assuntos tão presentes na vida de qualquer ser humano. Amo a doçura que ela expressa em cada nota, amo o jeito dela cantar, e acredito que esse álbum demonstra o crescimento dela como letrista, e dos demais integrantes como arranjadores e produtores musicais.

AL tem seus momentos vibrantes, que abraçam a nostalgia, que mostram a sonoridade típica dos anos 80 – falando nisso, vale a pena ver os clipes que são super coloridos e cheios de elementos da época!

O novo trabalho foi bem recebido pelos críticos, e muitos deles mencionaram o contraste das letras com a melodia em certas canções: “eles deixaram de vez para trás o punk e emo.” Quem for ouvir esse álbum, pode esperar letras bem sérias, provenientes de experiências pessoais, mas com muita fluidez, dinamismo e encantamento por parte das melodias 🙂 sim, essa foi a parte que mais chamou a minha atenção!

Agora, quero mostrar a vocês as minhas favoritas:

26

Esta música é sobre não perder a esperança ser um sonhador. É o oposto de uma prévia canção deles, muito conhecida do público: “Brick by Boring Brick”, do álbum Brand New Eyes (2009), onde Williams criticou os sonhadores sem fundamento na realidade. À medida que o tempo foi passando, ela hoje reconhece que se tornou aquela pessoa sonhadora previamente criticada, e que vale a pena se agarrar a esperança e não soltar por ninguém.

Hayley explicou também, que essa música idealiza uma conversa com uma versão mais nova dela mesma. Afirmou que ela sente que “26” é a mais transparente do álbum; a única música que suas emoções não são cobertas por um ritmo mais dançante.

Hold onto hope if you got it
Don’t let it go for nobody
And they say that dreaming is free
But I wouldn’t care what it cost me

Forgiveness

O destaque dessa canção é a sinceridade dela em meio a uma melodia tão “pra cima”. Com certeza “Forgiveness” descreve uma situação vivida em um relacionamento que infelizmente não prosperou. Algumas pessoas, inclusive, especulam que essa letra seja dedicada a ex-membros da banda que saíram bem longe dos “bons termos” entre amigos…

“Don’t you go and get it twisted
Forgiving is not forgetting”

Pool

A imagem central da música é de mergulhar em uma piscina. Hayley usa a água como uma metáfora: o amor que ela sente por seu relacionamento já terminado. O lado obscuro desse sentimento que ainda está aí e que ameaça afogá-la, o peso das incertezas… Gosto muito de toda estrutura da música.

Dive back into
Right back into
Dive right back into you
Now I know you

Tracklist:

1. Hard Times
2. Rose-Colored Boy
3. Told You So
4. Forgiveness
5. Fake Happy
6. 26
7. Pool
8. Grudges
9. Caught in the Middle
10. Idle Worship
11. No Friend
12. Tell Me How

Espero que vocês tenham gostado! Com certeza vale o play! “After Laughter” está disponível em todas as plataformas digitais, e também em mídia física. E aí, o que vocês acharam do álbum? Quais são suas favoritas? Enfim, me contem a opinião de vocês, e se possível, façam uma avaliação dessa e de outras resenhas musicais aqui do Blog Senhorita Deise! Deem sua sugestão, o que precisa melhorar? O que vocês gostam ou não gostam nas resenhas críticas?

Conto com vocês, até a próxima!

6053b61a345645df58ac47a5db1dc64b

Album: Heartbreak On A Full Moon – Chris Brown

blog-senhorita-deise-álbum-heartbreak-on-a-full-moon
Album cover art: revealed on Oct. 6th – “ALBUM COVER, self explanatory” – Chris Brown: A human heart, dripping blood, in front of a pink moon.

Chris Brown with a solid twelve-year career, in 2017, most specifically on October 31st, took an important step: he released a double album with 45 tracks named “Heartbreak On A Full Moon” – and a bonus song (Last All Night), especially for fans on Soundcloud.

What to many people seemed like a “shot in the foot”, especially in this “digital era” when people doesn’t seem to be interested on buying physical media, eventually became a milestone in his story thanks to his talent, team and fans – who gave all the support needed to make this possible.

In just one week, “Heartbreak On A Full Moon” has now won the gold certification (for 500,000 copies sold) a fact confirmed by the RIAA (Recording Industry Association of America). Amazing, isn’t it?!

Everything started with an Instagram post in May, 2016:

“NEW ALBUM (HEARTBREAK ON A FULL MOON) NEW SINGLE DROPS MAY 5th…” – Chris Brown via Instagram

It gives us an idea of how early the work for this album happened. Chris Brown is a workaholic. Music is his refuge, his art, something that he truly loves to spend time doing it. In the past years, he released for free (via mixtapes), previewed snippets on social media like Periscope and Instagram, put out songs on Soundcloud, and of course, released albums too… that’s a lot of music!

Chris, himself, said in a interview, that he had on his phone 800 songs! And can you imagine how many more he’ll have after a studio was built in his house? Haha. So, would this be the reason behind his new album, “Heartbreak On A Full Moon” have so many songs? I don’t know, but it’s a way to start finding answers for this question.

“I thought Heartbreak On a Full Moon was a depiction of what my soul wanted to say. It’s funny because we’re not doing a double album. I’ve done so many records, but all of the records, to me, are personal favorites and I feel like it gets what I want to say across. It gives a vibe. You get nostalgia or you get a sense of individuality.” – Chris Brown

This might be his most personal album

As a fan for years, I can honestly say that I follow his art in every detail, I listened to every album, even his collaborations with different artists, and I noticed a progress in this project, I noticed growth. I feel like he finally felt ready to open up his deepest feelings, his inner thoughts – in songs.

He started doing it, in his – well done – documentary called “Welcome To My Life”, where he really welcome us, to his experiences, his career, his life choices, his pain, victories and defeats in pure honesty. We were invited to know his side of the story. We saw how everything started, we saw vulnerability, we saw the strength and the pain. The answers to a lot of questions.

And I guess that he followed the same formula with “HOAFM” – he doesn’t hide his preferences in his love life, or his choices according to who he’s gonna have a relationship with. I don’t wanna make any reference to anyone, it’s not about his exes, or about who inspired what song (yes, he wrote a lot of songs in this album) – it’s about his perspective, about his feelings, it doesn’t matter if it’s happy song, love song or a sad song, it’s about his own view.

#💔🌕 HOPE EVERYONE IS ENJOYING SEASON 1 AND 2😂🕺🏽🔥!” – Chris Brown via Instagram

What should we expect from “Heartbreak On A Full Moon”?

Cohesiveness and a story to tell. The first song “Lost And Found” is a great example of a opener! You feel the impact, as soon as you hit the play button.

Another thing that I love about this album: the samples! Michael Jackson (Even), Tupac (Juicy Booty), Outkast (This Way), Seal (Nowhere), Kevin Lyttle (Questions)… legends only! They were all perfectly chosen!

Singles, they were just a sneak peak of what the album could sound like. So far, “Party” is the most successful one, reaching Billboard’s Hot 100, 40th position, “Pills And Automobiles” is almost there, being at the 51th spot. Another fact that must be commented: every single from this era, charted!

“… very thankful to be able to inspire y’all while doing something I love ❤️. I LOVE YALL EVEN MORE FOR MAKING ME WORK HARD. #💔🌕 🙏🏽❤️ ” – Chris Brown

“HOAFM” is a treasure to be explored, a journey amid the loves, many life experiences and feelings of Chris Brown. This new project it’s like as if he had read the comments of fans and learned from previous mistakes, and gathered all this new information for a new phase in his new work.

Captivated even the unbelievers!

In three days, Brown achieved an impressive number: 68,000 copies sold – which even surpassed the predictions of several critics. What should also be highlighted is the total time of the album: 2h40min – no other artist has released such an extensive work. It’s at least audacious! He did it all by himself – with no support from his own label, no sponsor, no PR stunt… he made it thanks to his own talent, team, and of course, his dedicated fans.

On Twitter, overall positivity. At first, some people thought it would be a “torture” to listen to so many songs. Others stated that his album wouldn’t be “curated enough” and there would be a lot of “fillers”. Others followed the delusional crowd that unjustly says “all his songs/albums sound the same since…” – but all of this was proven wrong, once they hit the play button. “He did his thing with this album”, critics made positive reviews, I saw a lot of positive reactions from the public, and yes, artists and peers came supporting too.

We could see people comparing this album to their favorites, to his acclaimed and grammy award winner “F.A.M.E.” – something really special happened this week!

45 songs that flows naturally

Chris gives us a little bit of everything, and I think it’s amazing. A multi-talented artist, who doesn’t like to be “labeled”, who likes to take risks, who loves to try new things, couldn’t give us an album stuck in a “box”, or with two genres.

Number of featured artists: this also impressed. With an extense tracklist, a large number of collaborators were expected, but that was not what happened. Chris really trusted himself and gave us all of him ❤ Different producers: Chris had already mentioned that he does not listen to much of the popular stuff out there because he does not want to look or sound like anyone else… Working with “lesser-known” names, made his sound original, with well structured songs in every aspect.

PS: Chris worked again with Scott Storch, Polow da Don & Boi-1-da

Vocals, melodies, harmonies… production wise, it’s definitely his best album!

Tracklist:

Disc 1

1. Lost & Found
2. Privacy
3. Juicy Booty (feat. Jhené Aiko & R. Kelly)
4. Questions
5. Heartbreak on a Full Moon
6. Roses
7. Confidence
8. Rock Your Body
9. Tempo
10. Handle It (feat. DeJ Loaf & Lil Yachty)
11. Sip
12. Everybody Knows
13. To My Bed
14. Hope You
15. This Ain’t
16. Pull Up
17. Party (feat. Usher & Gucci Mane)
18. Sensei (feat. A1)
19. Summer Breeze
20. No Exit
21. Pills & Automobiles (feat. Yo Gotti, A Boogie Wit da Hoodie & Kodak Black)
22. Hurt The Same

Disc 2

23. I Love Her
24. You Like
25. Nowhere
26. Other Niggas
27. Tough Love
28. Paradise
29. Covered In You
30. Even
31. High End (feat. Future & Young Thug)
32. On Me
33. Tell Me What To Do
34. Frustrated
35. Enemy
36. If You’re Down
37. Bite My Tongue
38. Run Away
39. This Way
40. Yellow Tape
41. Reddi Wip
42. Hangover
43. Emotions
44. Only 4 Me (feat. Ty Dolla $ign & Verse Simmonds)
45. Grass Ain’t Greener

Sit back, take your time and enjoy this masterpiece called “Heartbreak On A Full Moon”. “HOAFM” is an album that goes beyond sales and records. It’s solid, different. This album has so much more to offer! I feel his soul there, I am so proud! I shared with you, during this post, my personal favorites! If you listened to the album, tell me, which songs do you like? Tell me your opinion, I’ll love to answer you!

“Heartbreak On A Full Moon” is available on every streaming plataform (Spotify, TIDAL, Apple Music and more). And please, don’t forget to request the physical album at your local store/retailer. Also, keep requesting the singles “Grass Ain’t Greener”, “Party”, “Privacy”, “Pills And Automobiles” & “Questions” at your local radio station!

Processed with VSCO with c1 preset

Talent, hard work, originality, focus and strategy. Yes. I’m proud.

Instagram: @senhoritadeise | Twitter: @blogsrtadeise

HOAFM: Favoritas da Deise on Spotify, click and check out my favorites!

Thank you for being here, and go get that album!

margarida-assinatura