Sim, esse blog continuará existindo…

Foi bom…

me propus a postar todos os dias, aqui no blog, durante essa “quarentena-férias”, e consegui! Essa é a 30ª postagem consecutiva aqui, algo que nunca havia acontecido, nem mesmo antes nas edições do famosíssimo BEDA

Enfim, estou satisfeita em ter cumprido com a minha meta, satisfeita em ter postado bons conteúdos, inclusive textos (dos mais pessoais e profundos, as mais sinceras indicações), após um grande hiato por aqui, e num período tão “conturbado” quanto este em que estamos vivendo.

Alguma coisa a gente aprende. De alguma forma, de tudo isso, a gente sairá diferente.

Uma vez, eu vi uma pessoa falando sobre o quanto queremos ver o futuro (após esse acontecimento da pandemia, ficou mais intenso ainda esse sentimento)! O quanto o ser humano tem tentado saber o que vai acontecer, cheio de projeções, números e estimativas — dos casos mais trágicos aos mais positivistas.

O futuro nunca foi tão aguardado, tão temido por muitos, não é mesmo?
O fato é que agora, eu quero morar um pouco no meu presente, sem pensar muito no que vai acontecer lá na frente.

Viver cada dia, de maneira mais desacelerada. Respirando bem fundo, refletindo… fazendo o que eu puder fazer.

Hoje eu quero apenas te pedir que você ouça mais a Deus! Ouça o que Ele tem a te dizer hoje, e procure seguir Seu conselho. Procure cuidar de quem você ama, e procure se cuidar.

Procure cuidar do seu presente, do que você faz agora, porquê o que acontece no agora, ecoa no seu futuro. De alguma forma vejo que não precisamos nos preocupar tanto, tanto e tanto, pelo futuro… pois ele ainda não aconteceu, e de alguma maneira, nós ainda podemos mudar peças, encaixes, ainda podemos fortalecer nossas estruturas… ainda podemos construir algo para o nosso futuro, por mais incerto e confuso que ele pareça.

Hoje eu oro para que os seres humanos escutem mais a Deus. Escute, nem que seja por um momento. Hoje, peça “Deus eu quero te ouvir, eu preciso te ouvir” e deixe Ele falar. ❤️

Esse blog continuará existindo, em breve ele terá algo a dizer, em breve, venho contar coisas novas sobre mim. Em breve!

Até a próxima querido leitor, você que investe seu tempo vindo aqui ler as palavras que eu digito, que saíram do meu coração, de alguma experiência minha… e acabou gostando, se identificando… agradeço seu carinho, me sinto abençoada por ter isso! Um clique, vale muito pra mim, vale além do que as minhas palavras podem alcançar agora.

Um grande beijo dessa blogueira de alma e em puro aprendizado, Senhorita Deise 🌼

Ready Or Not?

After all we’re going through, some things just won’t be the same and I must be ready to face it.

I’ve always heard how we should accept when it’s time to close chapters, and once again, I see myself reading the final sentences of a story I loved to create and participate.

Obviously, to new endings, (whether it’s good or bad one) there’s always a new beginning of something new.

I don’t know what’s gonna happen next in a certain way, but, whatever is coming, I’m getting ready.

Again, I’m grateful for all beautiful souls I met and important moments I had.

Growth happens while we live our hardest. I’m sure it all will be worth it.

O que a gente perde?

Depois que acaba a histeria, o silêncio nos ensurdece em nossa solidão.

Nesse momento nos sobrevêm as ondas, os flashbacks dentro da nossa cabeça nos fazem sentir uma e mais outra vez, o que vivemos na pele.

Acaba a histeria, e nos ocorre tudo o que poderia ter sido diferente. O que poderia ter sido feito, o que poderia ter sido falado… pensamos, “poderia ter aceito”, “poderia ter discordado”, “poderia ter me posicionado melhor”… Mil teorias, nada na prática.

O que a gente realmente perde?

Quando acaba a histeria, vemos as cartas postas na mesa, o que nos foi apresentado e o que apresentamos, sobretudo, pensamos no que apostamos. “Deveria ter guardado mais” ou “deveria ter arriscado mais” — analisado mais…

O que a gente realmente perde?

O que você realmente perde?

O que você perdeu realmente?

O que eu perdi?

Inventário

Fazer um inventário, significa dizer que devemos fazer uma descrição detalhada daquilo que possuímos. Um levantamento minucioso, uma relação de tudo, avaliação dos nossos bens, contar, enumerar.

Pois bem, esta estação nos convida a fazer exatamente isso: um inventário de nossas vidas, mas nesse caso, além daquilo que é material, te convido a pensar na sua existência como um todo.

Eu te convido a pensar nas suas ações, no que foi investido o seu fôlego de vida, suas convicções, tudo que foi acumulado, alcançado até o presente momento em todas as áreas da sua vida.

Conte suas bênçãos. Tem gente que presta muita atenção naquilo que ainda não tem, em detrimento do que tem. No que perdeu, naquilo que não conseguiu, em todas as frustrações. Mas pense no fato de poder respirar, pense que você não é uma dessas pessoas internadas em estado grave, ligado a respiradores artificiais…

Ser inteligente, estar bem espiritualmente, significa ser grato! Significa expressar em palavras e atitudes, gratidão pelo que se é, pelo que se tem. Isso não significa que devemos abandonar nossas aspirações e nos conformarmos para sempre com o que temos sem querer melhorar, porém, precisamos aprender a apreciarmos aquilo que se tem, focarmos no que há de bom, no que há de positivo na vida.

Significa não sermos amargos, murmuradores.

Boas atitudes atraem coisas boas para a vida. Não lutar, ou estar em guerra com a sua realidade te fará um mal terrível.

Enquanto ela não muda, ela é a sua realidade, portanto, faça do limão, uma limonada… mude o seu olhar sobre as coisas, tente mudar a perspectiva.

Quando você se amarra ao que não se tem (ainda), isso te entristece de uma maneira profunda, de forma que a vida perde a graça, o brilho, o sentido.

Todo problema traz em si, uma oportunidade de se criar o novo! ✨

Ser grato muda a sua saúde mental.

Hoje eu oro para que você tenha paz! Sei que atravessamos um momento complicado. Sei que cada alma nesta Terra, carrega sua própria dificuldade, e que às vezes pode ser difícil mesmo ser positivo. Mas, garanto que essa é a melhor opção, garanto que funciona!

Respire fundo, vamos tentar outra vez. Vamos juntos, você não está sozinho nessa! Clame a Deus, Ele está te vendo, Ele te ouve!

Vamos exercer a gratidão. ❤️ Reclamar menos e esperar em Deus!

Vamos fazer esse inventário hoje? Descobrir motivos para sermos gratos? Descobrir motivos para amarmos mais, para futuramente mudarmos o que for necessário… vamos juntos! 🙏🏽✨

Isso vai passar.

Esse texto foi inspirado em uma “pregação”/live que ouvi no ano passado, acredito que na época do Natal. Me fez super bem, espero que tenha ajudado você ❤

margarida desenho-Transp

Olá Primavera! #4

“No que depender de mim, estenderei a graça…”

blog-senhorita-deise-ola-primavera-4-2

Olá meus queridos leitores, como vocês estão?

Pois é, faz tempo desde que estive aqui postando algo para vocês, passamos da marca de um mês, não é mesmo? Mas estou aqui, para a publicação anual de Primavera, a estação mais maravilhosa e linda do ano! Quero compartilhar hoje e deixar registrado, algumas reflexões que marcaram os meus dias, durante essas semanas através de experiências, e que fizeram toda diferença na hora de agir, repensar, de zerar e recomeçar com novas atitudes.

Graça — dom sobrenatural de Deus, no qual alcançamos a Salvação eterna, favor concedido aos homens. Restauração, participação na vida divina. Recuperação dos laços, do relacionamento com o Pai, através do sincero arrependimento e aceitação do Senhor Jesus. Benevolência, estima, boa vontade. Elegância e beleza das formas. Porte. Graça, é o que podemos receber e sermos gratos ao reconhecer ao nosso redor essa dádiva.

No que depender de nós, devemos estender a graça.

O que isso significa exatamente?

Reafirmo que na vida vivemos diversas situações diariamente. Apesar de termos uma rotina a seguir, horários marcados, encontros com as mesmas pessoas nos locais de sempre, as coisas são imprevisíveis, e têm alterações em seus cursos. Vemos pessoas novas no percurso, o clima muda, um mínimo detalhe pode fazer daquele dia, daquela semana, daquele mês, algo completamente diferente, fazemos escolhas, somos exemplo, seguimos exemplos, guardamos e liberamos sentimentos à medida que a vida segue, à medida que as coisas acontecem, e é nesse curso que devemos sempre estender a graça.

Devemos entender que o caráter de Deus é imutável, Ele é o mesmo ontem, hoje e o será para sempre. A misericórdia dEle se renova a cada dia, mas que o seu caráter fiel e justo, vêm sempre primeiro. Somos perdoados, porque nossa natureza, nosso modo de viver, de enxergar e agir, não modificam a natureza benigna de Deus. Ele é fiel à Sua Palavra, e ela nunca volta vazia.

A bondade do Pai é maior do que as atrocidades e erros humanos. Por mais que tudo pareça estar de cabeça para baixo, por mais que as coisas pareçam feias e sem solução, nEle existe um lugar de paz, compreensão e compaixão. Existe uma saída, nós podemos ser melhores, podemos ser pessoas diferentes, seres humanos que não seguem essa inclinação.

blog-senhorita-deise-ola-primavera-4-3

A natureza de Deus é diferente da nossa natureza

Deus não irá odiar alguém porque você odeia essa pessoa. Não fará mal a ninguém, por mais que esse seja o desejo secreto do seu coração. Sabe, eu sempre penso que se Deus me visse e me rotulasse com a impressão de um dia mau, o que seria de mim? Então, por que fazer isso com o outro? Por que julgar alguém por todo tempo, por esse motivo?

Então, no que depender de mim, estenderei a graça. A mesma graça que eu recebo todos os dias, a mesma oportunidade, a mesma chance que tenho perante Ele. Nunca existiu diferença entre pecados, somos nós que o categorizamos, mas na verdade mesmo, Deus os vê da mesma maneira, e sendo qual for, eles são a única coisa que podem nos separar definitivamente dEle, se não dermos um jeito de nos consertar e não viver neles.

blog-senhorita-deise-ola-primavera-4-4

Vou procurar não dar ouvidos ao meu coração egoísta. Amarei porque Deus ama, confiarei em Deus, pois sei que se minha vida estiver nas mãos dEle não há porque temer.

Nessa estação, convido você a estender a graça para o seu próximo. Pensar em como você pode contribuir para que essa pessoa seja mais leve. Pensar em como você pode relevar e não guardar em seu coração, sentimentos ruins. Pensar em como a cruz foi por todos nós, e não para um seleto grupo, não apenas para A, B ou C — não somos perfeitos, não somos merecedores, mas quando aprendemos a estender a graça, aprendemos o quanto devemos depender dela, vemos o quanto não podemos viver sem essa dádiva.

Nessas mais de 600 palavras, espero ter tocado em você, ou pelo menos ter feito algum sentido. Talvez eu ainda volte aqui para fazer algum ajuste, algum acréscimo de ideia, até porque, como eu disse tudo muda, as inspirações vêm… enfim, imagine como o mundo poderia ser melhor, se milhares de pessoas decidissem quebrar as correntes e fazer diferente.

Um grande beijo, deixe seu comentário, sua opinião e compartilhe com quem você ama! Não abandonei o blog, hein? Tem mais textos e conteúdo novo chegando em breve! Orem por mim, torçam para que coisas boas aconteçam, pois tenho muitos desafios pela frente, desafios que preciso vencer haha. Obrigada pelo apoio, só de ter tido esse clique, seus olhos lendo essas frases, significa muuuuuuuuuuuuito pra mim!

Até a próxima, e seja bem-vinda Primavera! VAMOS FLORIR!

Agradeço a inspiração e orientação @marialuquet! Que Deus te abençoe grandemente!

margarida desenho-Transp

O Seu Valor…

blog-senhorita-deise-valorizaçao
Siga-me no Instagram: @senhoritadeise

O tema “valorização” vai muito além do que imaginamos.

Você já parou para pensar na grande importância que isso tem? A importância do devido valor… quanto mais eu penso nisso, mais a minha mente se esclarece, mais eu chego a novos pontos de partida.

Se dar o devido valor, não significa apenas estar bem arrumado por fora, sendo bem-sucedido, com toda vida em ordem, com a autoestima em alta todo o tempo — até porquê existem pessoas que têm tudo isso, e ainda assim precisam de aprovação alheia e vivem de aparências, com máscaras, sentindo-se tristes, maquiando situações, e nem se sentem tão boas quanto aparentam.

Ter consciência do valor que temos como seres humanos, implica na certeza do amor de Deus por nós.

Ter consciência do valor que temos significa sabermos que Deus em Sua grande majestade e poder, nos ama. Mesmo com tudo que fizemos, tudo culmina no Seu amor por nós. Filhos de um grande Rei!

A grande armadilha está em pensarmos que não valemos nada, a grande armadilha está na auto-sabotagem, na auto-degradação, na falta de limites e de investimento certo nas áreas que nos favorecem — como, por exemplo, em nossas vocações, a falta de crença em nós mesmos, no potencial que podemos atingir.

Quem somos nós para desistirmos, se há um Deus tão grande procurando por nós todos os dias? Sim, os olhos dEle passam por toda Terra, procurando por verdadeiros adoradores…

Se dar o devido valor é fazer o que Deus espera de nós, é sabermos que somos a imagem e semelhança dEle. É saber que o amor de Deus é suficiente. Estar com Ele apesar de tudo. Confiar na Sua soberania, e que Sua vontade sempre será melhor do que a nossa. Se dar o devido valor é ter e andar com confiança! ❤️

Esse tema vai muito além do que já te disseram ou do que você achava que era “ter valor”.

Procure se aprofundar nisso porque o mundo tem uma visão muito distorcida, acaba invertendo muita coisa e o resultado já conhecemos, infelizmente.

Deus te ama, Ele te quer, te criou, sempre te quis — como não achar isso absolutamente maravilhoso? Como não ficar sem palavras? Como não sentir-se grato diante de tamanha graça e misericórdia? Impossível!

Agora entendo como posso aspirar o melhor. Entendo como posso querer isso que é melhor para mim. Entendo como passo a fazer escolhas inteligentes que não me ferem, que não me afastam de quem mais me ama no Universo inteiro. Agora entendo que eu não tenho o direito de diminuir ninguém em nenhum aspecto com os meus achismos e preconceitos — porque, se eu descobri o meu propósito e valor, com toda certeza o meu próximo é amado na mesma medida que eu, concorda? — Muito menos ficar chateada, deprimida se alguém não me correspondeu à altura das minhas expectativas…

Meu valor está em Deus.

Fui criada, e cuidadosamente idealizada pelo autor de tudo que há, e no meio de tantas obras magníficas, de magnitude inexplicável, eu sou a maior, a que Ele mais ama, a que mais preza. Aí está o meu valor — eu sou amada por Deus, e não há ninguém que me convença do contrário, ninguém que possa mudar ou impedir isso.

margarida desenho-Transp