Sobre Esperar

“Abraão, esperando contra a esperança, creu (…) E, sem enfraquecer na fé, embora levasse em conta o seu próprio corpo amortecido (…) não duvidou, por incredulidade, da promessa de Deus; mas pela fé, se fortaleceu, dando glória a Deus, estando plenamente convicto de que Ele era poderoso para cumprir o que prometera. (…) isso lhe foi também imputado para justiça” Romanos, 4:18 a 22

Após olhar uma “porção da minha vida”, e ouvir algumas palavras de certas pessoas a respeito, pedi a Deus que me desse uma palavra e Ele me deu esses versos da Bíblia que se encontram no livro de Romanos.

É um capítulo muito interessante no Novo Testamento que conta a trajetória dos heróis da fé, e em uma certa altura do texto, podemos ver falar sobre Abraão: a partir dessa leitura, pude refletir um pouco mais sobre esse assunto e eis aqui o que foi ministrado ao meu coração. Através desses versos pude pensar um pouco mais sobre confiança, período de espera, um pouco mais sobre saber que cada pessoa tem uma jornada e propósitos diferentes umas das outras.

Mais uma oportunidade para aprender que quando colocamos algo nas mãos de Deus mediante a fé em Jesus Cristo e confiança, o tempo é um mero detalhe, porque, se estamos dentro da vontade dEle — bem como aquilo que desejamos, podemos descansar nEle.

Abraão era um homem de 100 anos, fiel a sua esposa Sara, cujo maior sonho era ter um filho. Isso não foi possível até então, pois Sara era estéril. Abraão chamou a atenção de Deus por seu caráter e fidelidade. Abraão disse ao Senhor “Eis-me-aqui”, saiu de sua terra abandonando os deuses, crendo plenamente na provisão divina. Enfrentou lutas, separou-se de seus entes mais queridos, venceu etapas… recebeu sua promessa, seu amado filho Isaque, que era uma bênção! Tempos mais tarde, Deus lhe pediu esse filho e Abraão não o negou, pois tinha convicção, que mesmo sacrificando esse filho, Deus era poderoso e fiel o suficiente para trazê-lo de volta das cinzas! Uma grande demonstração de fé, não é à toa que ele é o “Pai da Fé, pai de muitas nações”.

Não importam as palavras que são semeadas para desencorajar, muito menos importa o que as pessoas pensam, comparam, julgam. Abraão era um homem de 100 anos e pôde segurar em seus braços, Isaque, fruto do seu amor com Sara, promessa de Deus!

O que seria impossível para mim aos 29, 30, 35…? Pois é. Abraão tomou por verdadeira aquela promessa e não desistiu. Houve um tropeço no meio do caminho? Sim, infelizmente houve. Mas até esse fator serviu para que o mesmo visse a fidelidade do Senhor em vida. Serviu para mostrar que quando Deus nos promete algo, isso deve ser guardado, cultivado, e não devemos dar ouvidos aos que não receberam a mesma revelação. É uma caminhada de relacionamento e construção. É preparar-se até que a hora chegue.

Crer contra as probabilidades humanas e achismos coletivos é algo bem desafiador, mas não é impossível 💡

Meus amigos leitores, se vocês creem e estão inseridos nessa caminhada de fé e confiança, saiba que essas atitudes lhe serão imputadas para justiça, e a vontade de Deus que é soberana se cumprirá. ❤️🙏🏽

Teria muito mais para se falar né? Sei que ainda estou gerando muitas sementes boas dentro de mim a partir dessa meditação. Espero que vocês tenham gostado, fiquem à vontade para comentar, contar para mim sua impressão sobre o texto, contar suas experiências… opiniões a respeito e compartilhar essa mensagem com quem você ama. Até a próxima ❤

Realista Esperançosa

Os acontecimentos de 2020 pegaram a humanidade de surpresa. Muitos lidaram com perdas irreparáveis. Muitos precisaram se reinventar, ressignificar, reaprender, valorizar de fato o essencial e apreciar o que havia ao redor.

Foto tirada e editada por mim ❤

Muitos precisaram se readaptar. O mundo não estava mais como conhecíamos. Porém, mesmo com tantos desafios, tantas mudanças, lutas e lágrimas, ainda assim eu vi que os olhos do Senhor estavam favoravelmente sobre nós. Sobre mim, pois Ele permitiu que chegássemos até aqui. Vocês que me conhecem há algum tempo estão acostumados a ver palavras como “lições” e “processos” nos meus textos, e eu acredito que a vida seja cheia de etapas como essas — e no final importa mesmo que tenhamos aprendido algo que nos leve a um sentido.

Estava lendo um pensamento compartilhado pela Larissa Lima que tinha a expressão “realista esperançosa” e é assim que eu quero ser nos meses que virão. Preciso estar consciente da realidade que está se mostrando, entretanto, esperançosa da vinda de Cristo, esperançosa em Suas promessas, em Sua Soberania, nos frutos do Seu caráter e na alegria que há nEle. Esperançosa de que posso construir coisas boas, influenciar positivamente os que me rodeiam.

Tudo acaba, nada é permanente a não ser a nossa Alma e a Eternidade. Sinto-me pronta para prosseguir, ciente de que muitas coisas ainda vão acontecer, muito ainda pode nos surpreender, e sei que muita coisa pode mudar.

Só não pode mudar a minha fé, esperança e amor em Deus. 2020 foi completamente diferente, jamais poderia imaginar o que aquele ano seria, uma jornada intensa… obrigada Deus por tudo. Proteja-nos, console a gente. Dai-nos força.

Que neste ano, encontremos forças para prosseguir, para continuar nos reinventando e para estreitar nossos laços ao lado de quem amamos ❤ Oro para que logo logo, essa situação se resolva, que muito em breve consigamos sair nas ruas sem o medo do vírus.

Meus amados leitores, feliz 2021! Amo muito cada um de vocês!

Manuscrito

Que seja fiel ao manuscrito, fiel à vontade do Autor.

Sem edição minha ou de qualquer outra pessoa. Quando Deus escreve, ninguém apaga. Quando se verdadeiramente segue o roteiro, o propósito se cumpre.

A protagonista se deixa ser dirigida.

Afinal, é uma narrativa biográfica cronológica — pois Ele me conhece profundamente, desde o ventre da minha mãe — nem era formada e ele já me conhecia, já me amava, já havia se interessado por mim.

Ninguém melhor do que Deus para saber exatamente, nos mínimos detalhes, quem eu era, quem eu queria ser e o que eu efetivamente me tornaria, estando presente em cada etapa, em cada fase da minha vida, observando de perto.

Conhece todo o meu contexto. Anseios, sonhos, defeitos, medos, qualidades, hábitos, o que faço por mim e pelos outros, sabe para o que contribuo, as minhas causas, minhas frases, meus pensamentos, meus sentimentos… tudo por inteiro.

Uma trajetória que repitoprecisa e quer ser fiel ao manuscrito até o final. Sem cortes, sem adições ou edições de terceiros. Sem anulações.

A beleza da natureza #5

Processed with VSCO with c1 preset

Sim, meus amados leitores do futuro, vos escrevo essa postagem, ainda vivendo em meio a pandemia da Covid-19 — mais conhecido como coronavírus. Esse mês de julho, marcou a minha volta ao trabalho presencial, ou seja, após três meses de quarentena, sem quase sair para nada no mundo exterior , eu passei a integrar a minha antiga rotina, com muita gratidão.

Processed with VSCO with c1 preset

Confesso que para mim, muitas coisas tem um peso de valor, pois vejo os cenários e personagens da vida com um pouco mais de “romance” por ser uma poetiza nata, e foi emocionante ver antigos rostos com aquele toque de nostalgia. Foi estranhamente bom. Foi como ter dado um play. Foi como ter visitado a minha antiga eu… um misto de sensações mesmo…

Processed with VSCO with c3 preset

Vocês estão vendo aqui, alguns registros que fiz de flores no meu caminho. Flores que me aquecem, que me inspiram, que enchem os meus olhos de beleza e pureza. 

Processed with VSCO with c2 preset

There is literally nothing in nature that blooms all year long. Don’t expect yourself to do so either.

Processed with VSCO with c3 preset

Essa frase acima, foi muito forte pra mim, num bom sentido, pois diz o seguinte “Não há literalmente nada na natureza que floresça o ano todo. Não espere que você faça isso também” — e as coisas são exatamente assim: há tempo para tudo. Há tempo de viver nossos outonos e invernos, até a chegada da Primavera… até chegar o momento de florescer de novo.

Processed with VSCO with c1 preset

Ainda estamos vivendo tempos extremamente difíceis sim, mas a nossa Primavera, logo chegará.

margarida desenho-Transp

Música: Pinpoint – Hayfitz

blog-senhorita-deise-pinpoint
Brandon Hafetz – fonte hayfitz.com

“Você já conheceu alguém e soube imediatamente que essa pessoa teria um papel profundo em sua vida? Mesmo que depois de alguns minutos, horas, dias, você nunca mais os veria? (…) Pinpoint, narra uma reação a sentimentos viscerais desencadeados por breves e desarmantes momentos no tempo. Você nunca sabe quando alguém pode ‘aparecer do que parece ser um nada’ e de repente se tornar o centro do seu universo. Não se esquivar dessa potencialidade, pode desbloquear um conjunto de experiências realmente bonitas, mas emocionalmente perigoso.” – Conceito da composição retirado do site oficial.

É gente, essa é a descrição dada da música que eu venho apresentar à vocês hoje! Hayfitz é o apelido do multi-instrumentista americano, Brandon Hafetz, que felizmente conheci de maneira aleatória em uma playlist do Spotify e me apaixonei no momento em que a escutei.

“Pinpoint” é a primeira de uma coleção futura de músicas gravadas e compostas por ele por dezoito dias em uma casa em Seattle, cercada por vistas bucólicas e de montanhas. O cenário, segundo o próprio cantor, trouxe o espaço emocional para entregar as canções com determinação, trazendo detalhes intencionais — você consegue ouvir toda suavidade, tranquilidade e amor transmitidas em melodia e letra, ou seja, meta conquistada com sucesso!

Espero que vocês gostem o tanto quanto eu. Hoje, deixarei para vocês letra, vídeo e tradução! Me contem o que acharam ❤

Pinpoint

You popped right into my life like you’ve always been here
And darling I simply was not at all prepared
You popped right into my life like you’ve always been here
I didn’t know it but you were my greatest fear

But I don’t even know your name
Just that face
I don’t even know your name
Just that face

Finding myself in a maze
Lost in the clues I’ve created
Puzzling my mind with these games
But I don’t even know your name
Just that face

There’s somethin’ about you that I just can’t quite pinpoint
A look in your eyes I swear that seen before
Darling you must be starting to really get to me
Cause there’s somethin’ about you that I just can’t ignore

But I don’t even know your name
Just that face
I don’t even know your name
Just that face

Oh call it premature, maybe
Call it premature, baby
You can call it premature, baby
But I just can’t help it

Call it premature, maybe
Call it premature, baby
You can call it premature, baby
But I just can’t help it

Oh that face
Just that face
Oh that face
Just that face

Identificar

Você apareceu na minha vida como se estivesse sempre aqui
E, caramba, eu simplesmente não estava preparado
Você apareceu na minha vida como se estivesse sempre aqui
Eu não sabia disso, mas você era meu maior medo

Mas eu não nem sei seu nome
Apenas aquele rosto
Eu nem sei seu nome
Apenas esse rosto

Me encontrando em um labirinto
Perdido nas pistas que eu criei
Confundindo minha mente com esses jogos
Mas eu nem sei seu nome
Apenas esse rosto

Há algo em você que eu não consigo identificar
Um olhar em seus olhos, eu juro, que já vi antes
Querida, você deve estar começando a realmente me atingir
Porque há algo em você que eu simplesmente não consigo ignorar

Mas eu nem sei o seu nome
Apenas aquele rosto
Eu nem sei o seu nome
Apenas esse rosto

Chame isso de prematuro, talvez
Chame isso de prematuro, querida
Chame isso de prematuro, talvez
Mas eu simplesmente não posso evitar

Chame prematuro, talvez
Chame prematuro, querida
Chame prematuro, talvez
Mas eu não posso evitar

Apenas aquele rosto
Oh aquele rosto
Apenas aquele rosto
Oh aquele rosto

Um beijo da Deise, até a próxima

margarida desenho-Transp