Recomendo: Esmalte Holográfico – Speciallità

blog-senhorita-deise-esmalte-holografico-zeus (4)
Instagram: @senhoritadosaneis

Olá meus leitores queridos!

Hoje tenho aqui para vocês, uma recomendação! Há muito tempo que eu não encontrava nas lojas/farmácias um esmalte de efeito holográfico de qualidade, o que me deixou com muita saudade e muita vontade de pintar dando essa alegria às unhas.

Conheci esse belíssimo, através da indicação da Danielle Helena, criadora de conteúdo digital, dona da conta @danibead no Instagram — muito obrigada Dani! — e, hoje vou mostrar um pouquinho através de fotos caseiras, já que ainda estamos em quarentena, ou melhor dizendo, isolamento social por conta da pandemia de Covid-19. Vejamos a seguir, o que diz a marca Speciallità em seu site oficial:

O esmalte holográfico cinza chumbo Zeus da Coleção Hits no Olimpo, possui altíssima concentração de pigmento holográfico, proporcionando muito mais efeito nas unhas. Esse tom vai transformar suas unhas, com toda a qualidade de um esmalte holográfico Hits.
O esmalte Zeus faz parte da coleção Hits no Olimpo, composta por 8 esmaltes holográficos com cores variadas e que atendem a todos os gostos, difícil é escolher qual deles utilizar.

Está pensando em um esmalte para uma ocasião especial, em que você quer estar mega elegante mas ao mesmo tempo quer dar um toque de personalidade nas unhas? Escolha o Zeus! O efeito holográfico desse esmalte cinza escuro é simplesmente encantador.

(…) O efeito do pigmento holográfico é mais evidente sob a luz solar quando reflete as partículas presentes no esmalte, reproduz um efeito das cores de um prisma e o resultado parece mágica, um efeito realmente impressionante. O pigmento holográfico é um pigmento nobre, com muita presença nesse esmalte, por conta disso esse produto é categorizado como premium, um esmalte diferenciado para quem busca um nível acima em termos de sofisticação.

blog-senhorita-deise-esmalte-holografico-zeus (2)

Estou super encantada com a qualidade do esmalte, primeiro porque, só passei uma camada dele, além claro, da base incolor que é indispensável para mim, e não ficou uma falha sequer! E segundo, porque ele tem um efeito espelhado ótimo, com um aplicador maravilhoso, na medida certa!

Embora o fabricante afirme que trata-se de um cinza chumbo, pessoalmente olhando pro frasco, ele parece mais um esmalte preto — o que para mim, aumenta a parte da sofisticação!

blog-senhorita-deise-esmalte-holografico-zeus (3)

Como o fabricante também diz, é preciso estar em um lugar iluminado para visualizar as cores reveladas pelo prisma. A luz aqui, é daquelas amarelas, mas também mostro na foto a seguir, o efeito na luz mais fria. No Sol então, com toda certeza, o brilho é potencializado! Quando não há tanta iluminação, ele fica lindo também num tom mais grafite, mais cinza mesmo.

blog-senhorita-deise-esmalte-holografico-zeus (5)

O esmalte é 5free: livre de DBP, cânfora, tolueno, formaldeído e resina de formaldeído — componentes capazes de causar alergias.

Tem efeito gel: mais brilho, menor tempo de espera para secar, e durabilidade — estou no quarto dia com o esmalte, realizando minhas tarefas diárias, e acreditem, nada de descascar!

blog-senhorita-deise-esmalte-holografico-zeus

Espero que vocês tenham gostado da resenha, eu comprei no site oficial da marca, clique aqui para acessar o link foi tudo de maneira rápida e segura. No meu Instagram, mostrarei mais fotos! Aproveito para deixar aqui o meu agradecimento à todas as pessoas que participaram no meu IG @senhoritadeise, da votação sobre qual esmalte usar essa semana, vocês arrasaram 🖤

Um grande beijo da Senhorita Deise, na próxima teremos mais, pois comprei logo a coleção completa haha, não vou passar vontade com os holográficos… na falta de um, agora tenho 08! 

Até a próxima!

margarida desenho-Transp

 

Sim, esse blog continuará existindo…

Foi bom…

me propus a postar todos os dias, aqui no blog, durante essa “quarentena-férias”, e consegui! Essa é a 30ª postagem consecutiva aqui, algo que nunca havia acontecido, nem mesmo antes nas edições do famosíssimo BEDA

Enfim, estou satisfeita em ter cumprido com a minha meta, satisfeita em ter postado bons conteúdos, inclusive textos (dos mais pessoais e profundos, as mais sinceras indicações), após um grande hiato por aqui, e num período tão “conturbado” quanto este em que estamos vivendo.

Alguma coisa a gente aprende. De alguma forma, de tudo isso, a gente sairá diferente.

Uma vez, eu vi uma pessoa falando sobre o quanto queremos ver o futuro (após esse acontecimento da pandemia, ficou mais intenso ainda esse sentimento)! O quanto o ser humano tem tentado saber o que vai acontecer, cheio de projeções, números e estimativas — dos casos mais trágicos aos mais positivistas.

O futuro nunca foi tão aguardado, tão temido por muitos, não é mesmo?
O fato é que agora, eu quero morar um pouco no meu presente, sem pensar muito no que vai acontecer lá na frente.

Viver cada dia, de maneira mais desacelerada. Respirando bem fundo, refletindo… fazendo o que eu puder fazer.

Hoje eu quero apenas te pedir que você ouça mais a Deus! Ouça o que Ele tem a te dizer hoje, e procure seguir Seu conselho. Procure cuidar de quem você ama, e procure se cuidar.

Procure cuidar do seu presente, do que você faz agora, porquê o que acontece no agora, ecoa no seu futuro. De alguma forma vejo que não precisamos nos preocupar tanto, tanto e tanto, pelo futuro… pois ele ainda não aconteceu, e de alguma maneira, nós ainda podemos mudar peças, encaixes, ainda podemos fortalecer nossas estruturas… ainda podemos construir algo para o nosso futuro, por mais incerto e confuso que ele pareça.

Hoje eu oro para que os seres humanos escutem mais a Deus. Escute, nem que seja por um momento. Hoje, peça “Deus eu quero te ouvir, eu preciso te ouvir” e deixe Ele falar. ❤️

Esse blog continuará existindo, em breve ele terá algo a dizer, em breve, venho contar coisas novas sobre mim. Em breve!

Até a próxima querido leitor, você que investe seu tempo vindo aqui ler as palavras que eu digito, que saíram do meu coração, de alguma experiência minha… e acabou gostando, se identificando… agradeço seu carinho, me sinto abençoada por ter isso! Um clique, vale muito pra mim, vale além do que as minhas palavras podem alcançar agora.

Um grande beijo dessa blogueira de alma e em puro aprendizado, Senhorita Deise 🌼

Ready Or Not?

After all we’re going through, some things just won’t be the same and I must be ready to face it.

I’ve always heard how we should accept when it’s time to close chapters, and once again, I see myself reading the final sentences of a story I loved to create and participate.

Obviously, to new endings, (whether it’s good or bad one) there’s always a new beginning of something new.

I don’t know what’s gonna happen next in a certain way, but, whatever is coming, I’m getting ready.

Again, I’m grateful for all beautiful souls I met and important moments I had.

Growth happens while we live our hardest. I’m sure it all will be worth it.

O Impostor

O impostor — aquele que não reconhece os vazios que tem na alma.

Aquele que não consegue arcar com as consequências, ser adulto o suficiente para admitir e sempre projeta o seu vazio na vida dos outros, apontando, julgando a vida dos demais.

Muitas pessoas vão tentar cobrar de você, “Você tem que provar”, [provar para ser aprovado] essa pressão pelo desempenho, lamentavelmente tem matado a alegria de muitas pessoas, tem tirado a capacidade das pessoas de viverem o melhor de Deus!

O Senhor Jesus não é movido pela ansiedade, pressão, nem pela falta de confiança das pessoas. Têm pessoas que não vão confiar em você… e isso é fato!

“Todos nós, ao longo da nossa vida, queremos executar algo pensando nos outros.”

Quais são as decisões que têm matado você? Quais são as coisas que, propositadamente, você está cedendo à pressão dos outros, para que essas coisas te matem?

Qual é o lugar que você tem se afastado do plano de Deus? Trocando os pés pelas mãos (fazendo coisas sem pensar), assumindo uma estrutura que ainda não está preparada?

“Cuidado para não destruir a temporada atual da sua vida, caminhando pressionado por pessoas.”

Quando você se move, você se move por quem? Quanto as suas decisões se movem por Deus? Quanto da sua execução parte de um propósito de Deus?

Você vai quebrar sua vida tentando ser como os outros, destruindo a alegria que Deus projeta pra você, deforma sua alma tentando agradar, tentando se encaixar nas expectativas dos outros,

Ao atender os apelos das pessoas, você acaba se perdendo!

A nossa existência não pode ser avaliada, medida pela existência do outro. Não fui constituído para ser comparado a alguém — não me julgue, não me maltrate, não me bata, porque eu não nasci para ser igual a você.

Sempre haverão sussurros sobre a sua vida, sempre haverão sussurros sobre as suas intenções, seu caráter, ideia da sua fé, sua vida financeira, sua família, sua idoneidade… não tente encontrar sua identidade nesse sussurros. Não encare, não responda, não de importância a sussurros, não guarde esses sussurros.

“DIGA NÃO A PRESSÃO DOS HOMENS E AGUARDE O PROPÓSITO PARA TER UMA VIDA SOBRENATURAL. LIBERE SUA ALMA DA NECESSIDADE DE PROVAR O SEU VALOR PRAS PESSOAS. VOCÊ NÃO PRECISA PROVAR O SEU VALOR PRA NINGUÉM.”

Texto baseado no vídeo do YouTube, de Diego Menin. ❤️

Música: Wish You Were Here — of Verona

Trago hoje pra vocês, uma canção lindíssima que está tocando profundamente o meu coração, e que é simplesmente maravilhosa em toda sua composição. Gostaria que você estivesse aqui…

Wish You Were Here

So, so you think you can tell

Heaven from hell

Blue skies from pain

Can you tell a green field

From a cold steel rail?

A smile from a veil?

Do you think you can tell?

Did they get you to trade

Your heroes for ghosts?

Hot ashes for trees?

Hot air for a cool breeze?

Cold comfort for change?

Did you exchange

A walk on part in the war

For a lead role in a cage?

How I wish, how I wish you were here

We’re just two lost souls

Swimming in a fish bowl

Year after year

Running over the same old ground

And how we found

The same old fears

Wish you were here

We’re just two lost souls

Swimming in a fish bowl

Year after year

Year after year Year after year Year after year Year after year

I wish you were here

O que a gente perde?

Depois que acaba a histeria, o silêncio nos ensurdece em nossa solidão.

Nesse momento nos sobrevêm as ondas, os flashbacks dentro da nossa cabeça nos fazem sentir uma e mais outra vez, o que vivemos na pele.

Acaba a histeria, e nos ocorre tudo o que poderia ter sido diferente. O que poderia ter sido feito, o que poderia ter sido falado… pensamos, “poderia ter aceito”, “poderia ter discordado”, “poderia ter me posicionado melhor”… Mil teorias, nada na prática.

O que a gente realmente perde?

Quando acaba a histeria, vemos as cartas postas na mesa, o que nos foi apresentado e o que apresentamos, sobretudo, pensamos no que apostamos. “Deveria ter guardado mais” ou “deveria ter arriscado mais” — analisado mais…

O que a gente realmente perde?

O que você realmente perde?

O que você perdeu realmente?

O que eu perdi?