O Importante é ser VOCÊ!

blog-senhorita-deise-o-importante-é-ser-você

Eu creio que todas as pessoas neste mundo, foram criadas para fazer a diferença. Cada uma com o seu jeito único, com a sua personalidade, vocação e sua intensidade. Mas, infelizmente, muita gente tem se conformado em ser apenas uma mera cópia.

Não seja um clone

Entenda, não há nada de errado em ter uma fonte inspiradora, eu tenho as minhas, mas eu não sou seguidora de pessoas, modismos ou de ideais duvidosos – até porque, se alguém te oferece alguma ideia, vale a pena você parar para raciocinar se está certa ou errada né?

Acho que tudo isso faz parte de quando você mesmo, percebe o seu próprio valor, que não deve ser baseado no que as outras pessoas pensam, falam ou simplesmente como elas te tratam.

Quando você sai por aí tentando ser outra pessoa, isso não só te rebaixa, mas isso também rouba a sua singularidade.

Eu não quero ser “apenas um peixinho nesse mar”. Tudo o que eu fizer, eu quero fazer com qualidade, imprimindo o meu talento. Eu não quero fazer o “mais do mesmo”, nem quero sair por aí copiando pessoas, sendo mais uma na multidão.

Não abra mão do seu valor

Deus te valoriza. Ele nunca irá te diminuir, nem te comparar aos demais, porque você é único. Não fique triste, nem queira se encaixar na imagem, ou padrão que os outros têm de você. Não seja mais um peixinho nesse mar, não despreze a sua singularidade.

Use o seu melhor ao seu favor, procure se destacar pelos motivos certos, pelos motivos que valem a pena. Conta pra mim, o você o que vai fazer para iniciar essa nova etapa?

Espero que vocês tenham gostado. Aqui, você é totalmente livre para expressar a sua opinião! Deixe a sua mensagem, dúvida, crítica ou sugestão. Será um prazer te responder.

Um forte abraço!

margarida desenho-Transp

Anúncios

15 thoughts on “O Importante é ser VOCÊ!

  1. Debora Montes (@Deb_Montes)

    Oi Deise! Muito legal seu texto.
    Quando eu era adolescente, tentei muitas vezes ser igual aos meus amigos. Fiz coisas que nem concordava, só para estar no meio deles. Com o tempo e a maturidade, a gente entende que isso é a maior besteira e que quem tem que gostar da gente, vai gostar pelo que a gente é.
    Bjos!

    Curtir

  2. Onde Cê Vai Loko

    Já dizia Pitty “O importante é ser você mesmo que seja estranho, seja você , mesmo que seja bizarro”. E é isso aí, independente do que a sociedade acha e rotula nós devemos mostrar o que somos e para que viemos. Parabéns pelo post!!!

    Curtir

  3. amiltonjunior13

    Que post incrível! Concordo em cada vírgula do seu pensamento, temos que nos valorizar nos mínimos detalhes e lutarmos pelos nossos próprios ideais pouco nos importando com os julgamentos maldosos que farão. Se não lutarmos por nossa felicidade e por nosso espaço no mundo ninguém o fará! Abraços 😊

    Curtir

  4. Kelly Mathies

    Eu amo quando venho aqui e me deparo com posts assim, cheios de sentimento ♥ Por mais que a gente viva dentro de um grande modismo de mundo, temos o dever de fazer nossas próprias escolhas e se diferenciar do restante. Cada um possui qualidades e defeitos que podem (e devem!) ser ressaltados. Nem sempre aquilo fica bem na sua alma, mas que tal tentar outra coisa? Aliás, obrigada por me lembrar desta música, ela é ótima.

    Curtir

  5. Ane Carol

    Como diz a música da Pitty: ” Mesmo que seja estranho, seja você mesmo que seja bizarro, mesmo que seja estranho… Acho que o que nós torna incríveis é exatamente nossas diferenças e como você disse é importante que a gente valorize que nos somos.

    Curtir

  6. tatirc10

    Oi, flor!
    Você tem razão, uma coisa é inspiração, outra é copiar. Vemos muito isso no universo literário e nos blogs. Na verdade, adoro quando me deparo com um blog que é bem característico e tem sua própria cara.
    Beijos!

    Curtir

  7. Giovanna

    Oi Deise ! Você disse tudo! Acredito que nós formamos o nosso carácter sendo nós mesmos, sem copiar ninguém nem tentar ser algo que não é, uma hora isso cansa e as pessoas não vão gostar de saber que você não é quem diz que é.

    Curtir

  8. natalinhap

    O teu título me lembra a música da Pitty ❤ Foi ela que me ajudou a mudar de comportamento e opinião sobre tudo ao meu redor, inclusive sobre eu mesma. Me libertei, me livrei e hoje sou mais feliz assim. Espero que mais pessoas conheçam a libertação. Ótimo post. Beijos

    Curtir

  9. Erika Monteiro

    Oi Deise, tudo bem? Acredito que com o tempo as pessoas acabaram esquecendo e deixando isso de lado. Elas se preocupam mais em parecer uma cantora, uma atriz de filme ou série, ou então usar roupas para estar na moda como algumas blogueiras. Porque? Como já disse num post que escrevi, se eu viver imitando outras pessoas que graça tem minha vida? O que ganho sendo cópia de alguém? É tão mais natural e incrível mostrar ao mundo a pessoa que somos de verdade. É tão melhor mostrar aquilo que temos de bom. Mostrar aquilo que podemos fazer pelos outros. Durante muito tempo estive com receio das pessoas não me aceitarem, ou de me julgarem pela forma como penso. Porém hoje me sinto muito mais livre. Seus textos são sempre inspiradores. Parabéns! Beijos, Érika =^.^=

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s