Música: Álbum “Harry Styles”

Harry-Styles-Album
Capa super conceitual, “Harry Styles”.

Sim, eu amei tanto o álbum solo do Harry Styles, 1/4 da boyband One Direction, que eu tive que correr aqui no blog e contar para vocês as minhas favoritas e dar o meu parecer sobre as dez faixas que compõem seu self-titled lançado no último dia 12 de maio.

(🇺🇸) Yes, I loved Harry Styles’ self-titled album so much, that I had to write about it on my blog and share with you all, my favorites among the ten tracks that are available in every music plataform since may 12th.

Esse álbum fala ao coração por ser extremamente pessoal. Podemos perceber a cada palavra, cada instrumento tocado, cada elemento do álbum, que aquilo era exatamente o que ele sentia, a história que ele queria contar para qualquer um que se propusesse a escutá-lo. Com esse álbum, temos a certeza de que, a fase 1D se foi, e o que permaneceu foi a sua identidade, a visão individual: seu som, seus próprios sentimentos, a vulnerabilidade. Não é à toa que o vemos “enxugar suas lágrimas” na capa do álbum – que eu achei simples, porém sensacional!

(🇺🇸) This album speaks to the heart for being extremely personal. We can tell that every word, every instrument played and every element was exactly what he felt, the story he wanted to tell to whoever listens to it. With this album, we are sure that the 1D phase has gone, and what remained was Harry’s individual vision, his own identity: the sound, his own feelings = vulnerability. No wonder we see him “wipe his tears” on the cover of the album – which I found simple yet sensational!

Outro destaque: a disponibilização das faixas! Flui naturalmente, todas as peças se encaixam e fica fácil de ouvir sem precisar dar aquele skip (ou “pulada de faixa”) – em dez faixas ele se apresenta de maneira franca, vocais bem postos, melodias cativantes (até mesmo aquelas mais do rock) e letras profundas. Com certeza ele já conquistou seu espaço na indústria musical. Aqui, ele evita o tão óbvio e mostra a que veio!

(🇺🇸) Another highlight: the tracklist placement! It flows naturally, it’s like all the pieces fit together and it’s easy to hear without having to give that skip – in ten tracks, he presents himself candidly, vocals well set, catchy melodies (even those more rockish) and deep lyrics. Certainly he has already won his place in the music industry. Here, he avoids the “oh so obvious” and shows why he’s here!

“You can’t bribe the door on your way to the sky,” / “Você não pode subornar a porta em seu caminho para o céu”, Sign Of The Times

Vamos às favoritas!

(🇺🇸) Let’s enjoy my favorites 🙂

1. Woman

2. Ever Since New York

3. Meet Me In The Hallway

4. Two Ghosts

5. From The Dinning Table

Tracklist:

Harry-Styles-Album

Espero que vocês tenham gostado! Para ouvir o álbum completo, é só pesquisar no seu app de streaming favorito “Harry Styles”, ou conferir os uploads na conta oficial do YouTube e dar o play! Para conferir outras resenhas, playlists e muito mais, clique na aba “Música” logo ali acima 🙂 deixe seu comentário sobre o que achou das músicas ok?

Beijos, até a próxima!

(🇺🇸) I hope you enjoyed! To listen to the full album, just search in your favorite streaming app “Harry Styles”, or check out the uploads on his official YouTube account and play! To check other reviews, playlists and more, click on the “Music” tab right above 🙂 Don’t forget to tell me what you think about the songs, okay?

XO, see you next time! 

@blogsrtadeise | Instagram: @blogsenhoritadeise

margarida desenho-Transp

Publicidade

Música: Álbum “Oh My My” OneRepublic

onerepublic-oh-my-my-2016-2480x2480
Capa oficial do álbum Oh My My, já disponível em todas as plataformas digitais.

Quem acompanha o blog, sabe que nos últimos meses eu estive em um relacionamento sério com os singles da banda OneRepublic, e finalmente no dia 7 de outubro, eles lançaram seu quarto álbum de estúdio, entitulado Oh My My. CLARO que eu fui correndo pro Spotify conferir essa novidade e não deu outra, decidi que eu precisava muito dividir com vocês essa minha paixão!

O álbum tem 16 faixas, e a versão deluxe conta com mais quatro músicas (duas inéditas + duas em versão acústica). “Oh My My” passou por um longo e divertido processo de criação, foram 18 meses de idealização, composições e gravações, com mais alguns meses de divulgação. “Wherever I Go” foi o primeiro single – Ryan Tedder, front man e responsável por compor grande parte das canções da banda, afirma que essa foi a música “mais desafiadora” dessa nova era.

Kids” foi o segundo single – e está se saindo muito bem nas rádios internacionais! “Future Looks Good” e “A.I” são considerados singles promocionais, cada um com a sua diferença mas representaram bem a banda e o próprio álbum. A próxima música de trabalho ainda será decidida. Cassius, Peter Gabriel e Santigold são as colaborações desse projeto! Ryan definiu a sonoridade do Oh My My (para a revista Wonderland) da seguinte maneira:

Queríamos nos assegurar que você possa ouvir os seres humanos e os instrumentos que existem nessas músicas. [O álbum] é novo e muito moderno, mas ainda tem uma grande dose de humanidade.

Ele também chamou seu trabalho de “honesto e diferente” e conta que arriscou muito na inovação – e eu super concordo com isso! Eu simplesmente amei os vocais do Ryan, e todas as melodias presentes em cada faixa. Tem músicas dançantes, românticas, aquelas que nos fazem chorar, que nos fazem refletir, aquelas que contam histórias, enfim, na minha opinião é um álbum completo e bem construído.

onerepublic-future-looks-good-oh-my-my
Drew Brown, Eddie Fisher, Brent Kutzle, Ryan Tedder e Zack Filkins

“Oh My My” ficou em terceiro lugar na Billboard 200 e em sexto lugar nas paradas britânicas – esse é o melhor resultado em termos de estreia de álbuns da banda!

Minhas músicas favoritas são: Kids, Future Looks Good, Human, All These Things, Born, Dream, Wherever I Go, Better, NbHD, Heaven, The Less I Know, Let’s Hurt Tonight, Colors e Oh My My – quase todas né? E olha que essa lista ainda pode crescer!

Confira a tracklist:

01. Let’s Hurt Tonight
02. Future Looks Good
03. Oh My My (feat. Cassius)
04. Kids
05. Dream
06. Choke
07. A. I. (feat. Peter Gabriel)
08. Better
09. Born
10. Fingertips
11. Human
12. Lift Me Up
13. NBhD (feat. Santigold)
14. Wherever I Go
15. All These Things
16. Heaven

Faixas deluxe: Colors, The Less I Know e Heaven, Better (em versões acústicas).

Ouça agora “Oh My My” no Spotify, na Apple MusicGoogle Play ou TIDAL.

Não se esqueçam de me contar se gostaram hein? Esse realmente é um álbum que valeu a pena esperar. No site oficial deles, vocês podem acompanhar o processo de criação das músicas e viver essa experiência junto com eles! Várias foram compostas e gravadas em diversos países do mundo, inclusive o BRASIL, sim isso mesmo! “Future Looks Good” nasceu no Rio de Janeiro haha. No www.ohmymyexperience.com você vê essa e outras cidades que inspiraram o OneRepublic – um experimento, um desafio que deu certo!

Beijos!