Música: Good Days — SZA

No dia 25 de dezembro de 2020, a cantora SZA (nascida Solana Imani Rowe, Estados Unidos) presenteou seus fãs com uma canção de quase 5 minutos, chamada “Good Days”. Porém, eu a conheci apenas há algumas semanas, o bastante para dedicar um espaço aqui no blog para falar mais a respeito. Vamos lá?

Good day in my mind, safe to take a step out
Get some air now, let yo edge out

Uma canção inebriante e atraente. É como encontrar-se em um amplo campo de flores, sentindo a brisa, o calor do Sol na pele, provocando as mais diversas contemplações enquanto se pensa em aspectos da vida.

Em plena melodia, existe em grande contraste entre a nostalgia, constatação de um relacionamento perdido por falta de reciprocidade, o estado em que podemos nos encontrar ao encarar esse fato, e a crença em dias melhores! A crença de que ainda existem “dias bons” e a possibilidade de se libertar a mente.

São todos os estágios em uma só música, passado, presente futuro. SZA conta que a composição se trata de “… tentar se afastar da negatividade do passado e do presente olhando para o futuro.”

All the while, I’ll await my armored fate with a smile
I still wanna try, still believe in
Good days

Eu ainda quero tentar, ainda acredito em dias bons. Ainda acredito que há beleza na juventude e no amor próprio – o amor, que reconhece quando algo não nos cabe mais, quando uma relação já não é mais a mesma, o tipo de amor que sentimos por nós mesmos, que nos permite enxergar e não se perder mais. Manter a mente limpa, sem amarras, sem preocupações. Proteger-se da maneira correta.

É importante notar as referências trazidas à canção: uma delas, é Jó. Sobre não querer perder, principalmente o controle emocional diante das ocorrências. Há citações sobre a “muralha de Jericó” (queda de defesas), e o carregar da própria cruz.

A capa do single, traz Solana criança com algumas edições ao estilo rapper Lil’ Wayne na série de álbuns “Tha Carter”.

Gotta get right
Tryna free my mind before the end of the world

Transcendente, vozes harmônicas… traz muito tranquilidade. Pode ser uma forma de “escapismo”? Pode até ser, mas é uma das melhores! Amo os pequenos riffs de guitarra, a impressão de pássaros voando, ou do mover das águas… a voz tão bonita, com floreios na medida! É aquela premissa da realidade em que relacionamentos que “podem ter começado bem”, acabam de uma forma não tão boa sendo refletidas num dia de verão.

Espero que vocês tenham gostado, deixo abaixo o vídeo para vocês escutarem a canção que está disponível em todas as plataformas digitais e de streaming. Eu gostei muito e já está inserida na minha playlist.

Good Days

Good day in my mind, safe to take a step out
Get some air now, let your edge out
Too soon, I spoke, you be heavy in my mind
Can you get the heck out?
I need rest now, got me bummed out
You so, you so, you, baby, baby, babe
I’ve been on my empty mind sh*t
I try to keep from losin’ the rest of me
I worry that I wasted the best of me on you, baby
You don’t care
Said, not tryna be a nuisance, it’s just urgent
Tryna make sense of loose change
Got me a war in my mind
Gotta let go of weight, can’t keep what’s holding me

Choose to watch
While the world break up and fall on me
All the while, I’ll await my armored fate with a smile
Still wanna try, still believe in (good days)
Good days, always (good days)
Always inside (always in my mind, always in my mind, mind)
Good day living in my mind
Tell me I’m not my fears, my limitations

I disappear, if you let me
Feeling like (on your own)
Feeling like Jericho
Feeling like Job when he lost his sh*t
Gotta hold my own, my cross to bear alone, I
Ooh, paid a deal, way to kill the mood
Know you like that shit, yeah, groovy baby, baby
Heavy on my empty mind sh*t
I gotta keep from losin’ the rest of me (losin’ the rest of me)
Still worry that I wasted the best of me on you, babe
You don’t care
Said, not tryna be a nuisance, it’s just urgent (it’s urgent)
Tryna make sense of loose change
Got me a war in my mind (my mind)
Gotta let go of weight, can’t keep what’s holding me
Choose to watch
While the world break up and fall on me
All the while, I’ll await my armored fate with a smile
Still wanna try, still believe in (good days, good days on my mind)
good days (good days on my mind)
Always sunny inside (always in my mind, always in my mind, mind)
Good day living in my mind
Gotta get right, tryna free my mind before the end of the world

I don’t miss no ex, I don’t miss no text
I just choose not to respond
I don’t regret, just pretend sh*t never happened
Half of us layin’ waste to our youth, is in the present
Half of us chasin’ fountains of youth and it’s in the present now
Always in my mind, always in my mind, mind
You’ve been making me feel like I’m
Always in my mind, always in my mind, mind

Dias Bons

Dias bons em minha mente, segura para dar um passo
Pegar um pouco de ar agora, deixar a pressão sair
Muito cedo, eu falei, você pesa na minha mente
Você pode dar o fora?
Eu preciso descansar agora, me deixou chateada
Você tão, você tão, você, baby, baby, baby
Eu estive na ***** da minha mente vazia
Eu tento não perder o resto de mim
Eu me preocupo em ter perdido o melhor de mim com você, querido
Você não liga
Disse, não estou tentando ser um incômodo, é apenas urgente
Tentando entender o troco solto
Tenho uma guerra em minha mente
Tenho que deixar o peso ir, não consigo manter o que está me segurando
Escolho assistir
Enquanto o mundo se desfaz e cai sobre mim
Enquanto isso, esperarei meu destino blindada com um sorriso
Ainda quero tentar, ainda acredito em (dias bons)
Dias bons, sempre (bons dias)
Sempre dentro (sempre em minha mente, sempre em minha mente, mente)
Dias bons vivendo em minha mente
Diga-me que não sou meus medos, minhas limitações
Eu desapareço se você me deixar
Me sentindo (por conta própria)
Me sentindo como Jericó
Me sentindo como Jó quando ele perdeu a cabeça
Tenho que segurar minha cruz para carregar sozinha, eu
Ooh, paguei um acordo, forma de matar o clima
Sei que você gosta dessa ***, sim, lindo, baby, baby
Pesado na *r**da da minha mente vazia
Eu não quero perder o resto de mim (perder o resto de mim)
Ainda preocupada de ter perdido o melhor de mim com você, querido
Você não liga
Disse, não estou tentando ser um incômodo, é apenas urgente (é urgente)
Tentando entender o troco solto
Tenho uma guerra em minha mente (minha mente)
Tenho que deixar o peso ir, não consigo manter o que está me segurando
Escolho assistir
Enquanto o mundo se desintegra e cai sobre mim
Enquanto isso, esperarei meu destino blindado com um sorriso
Ainda quero tentar, ainda acredito em (dias bons, dias bons em minha mente)
bons dias (bons dias na minha mente)
Sempre ensolarado por dentro (sempre em minha mente, sempre em minha mente, mente)
Bom dia vivendo em minha mente
Tenho que acertar, tentar libertar minha mente antes do fim do mundo
Não sinto falta de nenhum ex, não sinto falta de nenhuma mensagem
Eu apenas escolho não responder
Eu não me arrependo, apenas finjo que nada aconteceu
Metade de nós desperdiçando nossa juventude, no presente
Metade de nós perseguindo as fontes da juventude e isso está no presente agora
Sempre em minha mente, sempre em minha mente, mente
Você tem me feito sentir como se estivesse
Sempre em minha mente, sempre em minha mente, mente

Música: Pinpoint – Hayfitz

blog-senhorita-deise-pinpoint
Brandon Hafetz – fonte hayfitz.com

“Você já conheceu alguém e soube imediatamente que essa pessoa teria um papel profundo em sua vida? Mesmo que depois de alguns minutos, horas, dias, você nunca mais os veria? (…) Pinpoint, narra uma reação a sentimentos viscerais desencadeados por breves e desarmantes momentos no tempo. Você nunca sabe quando alguém pode ‘aparecer do que parece ser um nada’ e de repente se tornar o centro do seu universo. Não se esquivar dessa potencialidade, pode desbloquear um conjunto de experiências realmente bonitas, mas emocionalmente perigoso.” – Conceito da composição retirado do site oficial.

É gente, essa é a descrição dada da música que eu venho apresentar à vocês hoje! Hayfitz é o apelido do multi-instrumentista americano, Brandon Hafetz, que felizmente conheci de maneira aleatória em uma playlist do Spotify e me apaixonei no momento em que a escutei.

“Pinpoint” é a primeira de uma coleção futura de músicas gravadas e compostas por ele por dezoito dias em uma casa em Seattle, cercada por vistas bucólicas e de montanhas. O cenário, segundo o próprio cantor, trouxe o espaço emocional para entregar as canções com determinação, trazendo detalhes intencionais — você consegue ouvir toda suavidade, tranquilidade e amor transmitidas em melodia e letra, ou seja, meta conquistada com sucesso!

Espero que vocês gostem o tanto quanto eu. Hoje, deixarei para vocês letra, vídeo e tradução! Me contem o que acharam ❤

Pinpoint

You popped right into my life like you’ve always been here
And darling I simply was not at all prepared
You popped right into my life like you’ve always been here
I didn’t know it but you were my greatest fear

But I don’t even know your name
Just that face
I don’t even know your name
Just that face

Finding myself in a maze
Lost in the clues I’ve created
Puzzling my mind with these games
But I don’t even know your name
Just that face

There’s somethin’ about you that I just can’t quite pinpoint
A look in your eyes I swear that seen before
Darling you must be starting to really get to me
Cause there’s somethin’ about you that I just can’t ignore

But I don’t even know your name
Just that face
I don’t even know your name
Just that face

Oh call it premature, maybe
Call it premature, baby
You can call it premature, baby
But I just can’t help it

Call it premature, maybe
Call it premature, baby
You can call it premature, baby
But I just can’t help it

Oh that face
Just that face
Oh that face
Just that face

Identificar

Você apareceu na minha vida como se estivesse sempre aqui
E, caramba, eu simplesmente não estava preparado
Você apareceu na minha vida como se estivesse sempre aqui
Eu não sabia disso, mas você era meu maior medo

Mas eu não nem sei seu nome
Apenas aquele rosto
Eu nem sei seu nome
Apenas esse rosto

Me encontrando em um labirinto
Perdido nas pistas que eu criei
Confundindo minha mente com esses jogos
Mas eu nem sei seu nome
Apenas esse rosto

Há algo em você que eu não consigo identificar
Um olhar em seus olhos, eu juro, que já vi antes
Querida, você deve estar começando a realmente me atingir
Porque há algo em você que eu simplesmente não consigo ignorar

Mas eu nem sei o seu nome
Apenas aquele rosto
Eu nem sei o seu nome
Apenas esse rosto

Chame isso de prematuro, talvez
Chame isso de prematuro, querida
Chame isso de prematuro, talvez
Mas eu simplesmente não posso evitar

Chame prematuro, talvez
Chame prematuro, querida
Chame prematuro, talvez
Mas eu não posso evitar

Apenas aquele rosto
Oh aquele rosto
Apenas aquele rosto
Oh aquele rosto

Um beijo da Deise, até a próxima

margarida desenho-Transp

Música: Vertigo — Khalid

blog-senhorita-deise-vertigo-khalid
Fonte: Site Rolling Stones

Há algum tempo, acionei o meu aplicativo Shazam, para descobrir o nome e quem estava cantando essa música… “Vertigo” do cantor americano Khalid, tocou meu coração de primeira! Essa canção pertence ao seu EP “Suncity” (lançado em outubro de 2018), e  nomeado com o apelido que sua cidade natal, “El Paso – Texas”, possui.

“Vertigo” é bela em sua essência. Já na abertura instrumental, você parece sentir na pele a beleza que tem… puxa o seu fôlego mais profundo, te faz analisar com mais profundidade o que há ao seu redor. É como vivenciar sua própria cena de filme, é mágico.

Pra quem me segue no Spotify e acompanha as minhas listas, sabe que esse foi o terceiro título mais tocado em 2019, num ranking com 100 músicas… aí você tem a certeza do quanto eu a amo e precisava dividir aqui com vocês!

“Vertigo” é uma  autorreflexão de Khalid. Trata-se de uma análise do que sua vida tem sido, inclui várias perguntas que estimulam o ouvinte a pensar em suas próprias jornadas também. É como se ele estivesse olhando para o passado e o caminho que o levou para onde ele está agora.

Vertigo é belíssima em vocais e estilos técnicos, letra com significado, participação do Ty Dolla $ign… De bônus, deixo a abertura do EP “9.13” que tem um link incrível com a Vertigo. Espero que vocês gostem o tanto quanto eu!

Vertigo

Are we better off believing
What the ignorance suggests?
I wish living life was easy (Mhm)
But mine has been a mess
They say it comes with the seasons (Mhm)
But the seasons come and go (They go)
I go blurry when I’m thinking
Is it me or vertigo?

Criticized, who am I to give up?
I’m breathing, what’s the reason to let up?
Sympathize, who am I to give up?
Putting on my favorite get up

Are we alive?
Or are we dreaming?
After the ride
Are you leaving?
Are we alive? (Darker days, brighter endings)
Or are we dreaming? (Darker days, brighter endings)
After the ride
Are you leaving? (Darker days, brighter endings)
Yeah

I’ve been better off than broken
I’ve been battered, I’ve been beat
I wish I was more outspoken
But the words are out of reach
Hmm, thought I loved you in the moment
I was happy, I was young
I’ve been learning, I’ve been growing
But the worst is yet to come

Criticized, who am I to give up? (Who am I?)
I’m breathing, what’s the reason to let up?
Sympathize, who am I to give up?
Putting on my favorite get up

Are we alive?
Or are we dreaming?
After the ride
Are you leaving?
Are we alive? (Darker days, brighter endings)
Or are we dreaming? (Darker days, brighter endings)
After the ride
Are you leaving? (Darker days, brighter endings)
Yeah

Eyes closed, eyes closed
I’ve been falling with my
Eyes low, eyes low
I’ve been falling with my
Eyes closed, eyes closed
I’ve been falling with my
Eyes low, eyes low
I’ve been falling with my
Eyes closed, eyes closed
I’ve been falling with my
Eyes low, eyes low
I’ve been falling with my (Vertigo)
Eyes closed, eyes closed (Vertigo)
I’ve been falling with my (Vertigo)
Eyes low, eyes low
I’ve been, I’ve been, I’ve been
Eyes closed, eyes closed
I’ve been falling with my
Eyes low, eyes low
I’ve been falling with my
Eyes closed, eyes closed
I’ve been falling with my
Eyes low, eyes low

margarida desenho-Transp

Playlist: Favoritas do Momento #4

blog-senhorita-deise-favoritas-do-momento-4

Hope You Do — Chris Brown: como colocar em palavras o quanto eu amo esse artista? Percebam a maestria, a precisão em cada um dos movimentos, a fotografia, os figurinos, ângulos criativos, a ideia. Na verdade, meu clipe favorito da era Heartbreak On A Full Moon, dirigido por ele mesmo! Música com um flow lindo, R&B na melhor forma, vocais apaixonantes mostrando todo potencial. Simplesmente AMO!

Perfect — Ed Sheeran: sabe aquela música que vai tocar no dia do meu casamento? Sim, essa mesma. Letra cativante! O amor está presente em cada palavra, demonstra o nível altíssimo que ele tem como compositor, ainda mais nos dias de hoje né gente? Difícil não sentir, difícil não se deixar embalar. Nem sei ao certo como expressar o quanto essa canção é especial… se você está amando, essa é aquela música para se dedicar para alguém 🙂 e que clipe amorzinho gente! Assistam.

Over Again — Mike Shinoda: é ainda muito difícil entender o que aconteceu no dia 20 de julho do ano passado. “Over Again” é o retrato do sentimento explícito de Mike após a perda de seu amigo e colega de banda Chester Bennington.

Ele mesmo fez as imagens do clipe, inclusive, feitas antes do show em homenagem ao Chaz. Mike escreveu e produziu também. Um dos primeiros singles de seu álbum solo (lançado em 15 de junho) “Post Traumatic” que começou como um simples EP nas plataformas digitais. Difícil não sentir a dor, sinceridade, e a pura arte que é essa canção. Confesso que me emocionei muito, e pude sentir ainda mais a profundidade do ocorrido nas vidas daqueles que o perderam.

Psycho — Post Malone & Ty Dolla $ign: a número um nos Estados Unidos! Post alcançou status de sucesso rapidamente — o single debutou já no segundo lugar da Hot 100 e atingiu o topo nas semanas seguintes, mostrando constância. Já está em seu segundo álbum e está provando que veio para ficar. “Psycho” tem uma batida boa, um rap que flui bem, aborda os temas comuns com o diferencial na harmonia e suavidade em que são cantadas as rimas. Clipe mostra que teve investimento hein? Curti.

Say Something — Justin Timberlake & Chris Stapleton: um dueto diferente, um dueto que deu mais do que certo! Um folk/pop com um toque country. Harmoniosa do jeito que eu gosto… boa para curtir o dia, viajar, passar momentos admirando a natureza, ficar pensando na vida… por aí vai. Quando o coro entra, é de arrepiar! O jogo de imagens também é lindo, clipe bem elaborado, vale a pena o play!

In My Blood — Shawn Mendes: emocionante, tocante. Gosto muito da tradução dessa música, mesmo em meio as dificuldades, “não está em meu sangue” desistir. Mostra o crescimento e desempenho do artista. O clipe também é envolvente, interpretativo e conversa diretamente com a canção.

Girls Like You — Maroon 5 & Cardi B: eles foram para o pop com a rapper do momento! Certamente iria viciar, vibes total! E assim está explicado o grande sucesso da música nas charts americanas — música mais adicionada nas rádios, e subiu mais de 90 posições na Hot 100 em pouquíssimo tempo! Amei a participação de grandes personalidades da mídia no clipe, uma simplicidade que funcionou! No final, tem uma surpresa bem bacana, tenho certeza de que vocês irão curtir também!

New Light — John Mayer: me diz, como não amar? Foi amor no primeiro play! Completamente no estilo que ele domina, clipe engraçado e nada do que ele já fez antes… sério, vocês só irão entender quando derem o play.

Finesse (Remix) — Bruno Mars & Cardi B: o menino do momento! Levou vários Grammys pra casa, atingiu o topo da Billboard, também arrasa nas coreografias e levanta a bandeira R&B com orgulho! Representa bem o ritmo, e mandou bem na escolha vintage, vibes 80/90 para o clipe. Colorido e divertido 🙂 YASSSSS BABYYYY!

This Is America — Childish Gambino: clipe tem imagens fortíssimas, o motivo? “This Is America” é uma música de forte conceito político-social. Causou muita polêmica entre o público, o que levou o single à primeira posição da Hot 100 (primeira também na carreira de Gambino). A canção fala da situação dos negros nos Estados Unidos desde o princípio, e como o próprio povo vê e se utiliza da cultura nossa. Contrasta versos cantados suavemente, com um rap mais agressivo.

Fala de um país que ignora seus maiores problemas. Critica como o porte de armas é visto, inclusive, as imagens fortes explicitam os tiroteios que acontecem por lá, principalmente o que ocorreu em uma igreja, onde seus membros eram negros. “This Is America” tem conceito e uma mensagem a passar. Vale a pena pesquisar cada “coisinha” do clipe, pois, tudo aí tem uma correlação.

Meus amigos, espero que vocês tenham gostado da seleção musical!

Contem nos comentários o que vocês andam escutando, do que mais gostaram aqui…

Obrigada pela sua presença no #BlogSenhoritaDeise!

Voltem sempre 🙂

margarida desenho-Transp

Música: Hey Moon – John Maus

We_Must_Become_the_Pitiless_Censors_of_Ourselves_(Front_Cover)Conheci essa bela música em um filme que estava assistindo, bem no início desse ano. Utilizei meu aplicativo Shazam, e rapidamente ele a identificou pra mim. Foi amor, amor instantâneo!

“Hey Moon” é composição da cantora sueca Molly Nilsson, lançada em 2008 no seu álbum “These Things Take Time” (a versão dela é mais longa, por conter mais algumas estrofes), mas em 2011, ela ganhou uma nova versão, na voz e produção do americano John Moss, com a colaboração vocal da própria Molly.

A canção demonstra a perspectiva de alguém que trata a lua como sua melhor amiga. Gosto muito de todos os elementos que permeiam a música. Amo o minimalismo dela, a filosofia, o romantismo, um dueto digno, super poético!

Espero que vocês gostem o tanto quanto eu, escuto quase todos os dias! Como a canção não tem um vídeo oficial, eu publiquei aqui no blog, uma versão postada por um fã no YouTube, mas vocês podem ouvir a canção no Spotify ou em qualquer outra plataforma de streaming. Fiquem com o vídeo e a letra.

Hey Moon

I know it’s been so long
Since we saw each other last

I’m sure we’ll find some way
To make the time pass

Hey moon
It’s just you and me tonight
Everyone else is asleep
Hey moon
If I was to fall
I would fall so deep

Though I doubt I’m gonna
You can wake me up if you wanna

And your pale, round face
Makes me feel at home in any place
I would happen to be
At a quarter past three

The moon chased the sun out of the sky
Goodbye sun
The night’s begun

The moon chased the sun out of the sky
Goodbye sunshine
The night is mine

 

Hey moon
It’s just you and me tonight
Everyone else is asleep
Hey moon
If I was to fall
I would fall so deep

Though I doubt I’m gonna
You can wake me up if you wanna

I would hate for you to hang there alone
The whole night through

Hey moon
My old friend
Hey moon
The night is coming to an end
Hey moon
Come back soon

6053b61a345645df58ac47a5db1dc64b

 

A L M A

blog-senhorita-deise-alma

Não deixe a dor dominar você.
Não deixe as definições dos outros sobre você, te controlarem.
Você é muito mais do que o seu corpo te dá o crédito.
Você é o que habita nesse corpo.
Você é alma. A L M A.

E a sua alma precisa ser livre.
A sua alma precisa ser sadia.
A sua alma precisa permanecer salva todos os dias.

Não se prenda ao que você vê no espelho.
Isso passa. Isso muda. Isso um dia virará pó.

A sua alma é eterna.
A sua alma está no meio de uma disputa.
A sua alma será sempre a mais importante.

Não deixe a dor te dominar.
Não deixe a opinião dos outros segurar você.
Você é muito mais do que pensa, muito mais do que os limites humanos apontam, muito mais do que os limites determinam.

Você é querido, amado, desejado por Deus. ❤️

E isso é o suficiente!

   margarida-assinatura