Álbum: “After Laughter” Paramore

blog-senhorita-deise-paramore-after-laughter
Capa oficial. Imagem retirada do site billboard.com

Maio de 2017, estava eu no Instagram, conferindo os stories das pessoas que eu sigo, quando chegou a vez da Bruna Vieira. Ela estava escutando as músicas do After Laughter quinto álbum de estúdio da banda de rock americana Paramore, dizendo o quanto ela amou – e, eu rapidamente me interessei, fui ao Spotify e eis me aqui para contar o resultado dessa sessão musical, seis meses depois.

Isso mesmo, venho fazer uma resenha desse álbum, seis meses após o lançamento. Mas por que? Eu estava fazendo a minha lista de melhores do ano no cenário musical, e advinha só… “After Laughter” está no meu top 5!

“After Laughter” é diferente do que a banda já havia nos apresentado. Composições profundas que abordam temas importantes, acompanhadas de melodias cativantes, melodias que emocionam, que agitam. Sim, eles foram para o lado mais pop sintético que conheciam, mas que não tirou a personalidade do trio, que agora conta com a volta do integrante, Zac Ferro, que deixou a banda em 2010 – a formação do Paramore sofreu várias mudanças ao longo dos anos, mas eles decidiram seguir em frente apesar de tudo.

Quero fazer uma menção especial aos vocais da Hayley Williams – ela canta com toda força e emoção necessárias, para falar de assuntos tão presentes na vida de qualquer ser humano. Amo a doçura que ela expressa em cada nota, amo o jeito dela cantar, e acredito que esse álbum demonstra o crescimento dela como letrista, e dos demais integrantes como arranjadores e produtores musicais.

AL tem seus momentos vibrantes, que abraçam a nostalgia, que mostram a sonoridade típica dos anos 80 – falando nisso, vale a pena ver os clipes que são super coloridos e cheios de elementos da época!

O novo trabalho foi bem recebido pelos críticos, e muitos deles mencionaram o contraste das letras com a melodia em certas canções: “eles deixaram de vez para trás o punk e emo.” Quem for ouvir esse álbum, pode esperar letras bem sérias, provenientes de experiências pessoais, mas com muita fluidez, dinamismo e encantamento por parte das melodias 🙂 sim, essa foi a parte que mais chamou a minha atenção!

Agora, quero mostrar a vocês as minhas favoritas:

26

Esta música é sobre não perder a esperança ser um sonhador. É o oposto de uma prévia canção deles, muito conhecida do público: “Brick by Boring Brick”, do álbum Brand New Eyes (2009), onde Williams criticou os sonhadores sem fundamento na realidade. À medida que o tempo foi passando, ela hoje reconhece que se tornou aquela pessoa sonhadora previamente criticada, e que vale a pena se agarrar a esperança e não soltar por ninguém.

Hayley explicou também, que essa música idealiza uma conversa com uma versão mais nova dela mesma. Afirmou que ela sente que “26” é a mais transparente do álbum; a única música que suas emoções não são cobertas por um ritmo mais dançante.

Hold onto hope if you got it
Don’t let it go for nobody
And they say that dreaming is free
But I wouldn’t care what it cost me

Forgiveness

O destaque dessa canção é a sinceridade dela em meio a uma melodia tão “pra cima”. Com certeza “Forgiveness” descreve uma situação vivida em um relacionamento que infelizmente não prosperou. Algumas pessoas, inclusive, especulam que essa letra seja dedicada a ex-membros da banda que saíram bem longe dos “bons termos” entre amigos…

“Don’t you go and get it twisted
Forgiving is not forgetting”

Pool

A imagem central da música é de mergulhar em uma piscina. Hayley usa a água como uma metáfora: o amor que ela sente por seu relacionamento já terminado. O lado obscuro desse sentimento que ainda está aí e que ameaça afogá-la, o peso das incertezas… Gosto muito de toda estrutura da música.

Dive back into
Right back into
Dive right back into you
Now I know you

Tracklist:

1. Hard Times
2. Rose-Colored Boy
3. Told You So
4. Forgiveness
5. Fake Happy
6. 26
7. Pool
8. Grudges
9. Caught in the Middle
10. Idle Worship
11. No Friend
12. Tell Me How

Espero que vocês tenham gostado! Com certeza vale o play! “After Laughter” está disponível em todas as plataformas digitais, e também em mídia física. E aí, o que vocês acharam do álbum? Quais são suas favoritas? Enfim, me contem a opinião de vocês, e se possível, façam uma avaliação dessa e de outras resenhas musicais aqui do Blog Senhorita Deise! Deem sua sugestão, o que precisa melhorar? O que vocês gostam ou não gostam nas resenhas críticas?

Conto com vocês, até a próxima!

6053b61a345645df58ac47a5db1dc64b

Anúncios

One thought on “Álbum: “After Laughter” Paramore

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s